Sexta-feira, Agosto 12, 2022
Sexta-feira, Agosto 12, 2022

SIGA-NOS:

Air France já prepara chegada do Airbus A220

No âmbito do seu plano de renovação da frota, a Air France vai receber no final de setembro, o primeiro dos 60 Airbus A220-300 que encomendou para substituir os seus Airbus A318 e A319 dos voos de curto e médio curso.

A companhia informou que o primeiro Airbus A220 já saiu das oficinas de pintura da Airbus em Mirabel, perto de Montreal, no Canadá, onde foi revestido com as novas cores da Air France. Em particular, apresenta, na parte frontal da fuselagem, o cavalo-marinho alado, símbolo histórico da companhia e que encarna a riqueza de sua história.

“Mais leve graças ao uso de materiais compósitos, o Airbus A220 consome 20% menos combustível do que os aviões que substitui e a sua emissão de ruído é reduzida em 34%. Vai desempenhar um papel decisivo na realização dos objetivos da Air France em termos de desenvolvimento sustentável, incluindo a redução de 50% nas emissões de CO2 em termos absolutos na rede doméstica com partida de Paris-Orly e entre regiões até 2024 [comparativamente aos níveis de 2019], e a redução de 50% nas emissões de CO2 por passageiro/km até 2030[ Comparativamente aos níveis de 2005]”, refere a companhia .

A Air France, em comunicado, explica ainda que, antes de chegar a Paris e começar a transportar os passageiros, o avião vai passar por uma série de testes no solo e em voo. À chegada, vai ser usado, durante mais de um mês, para treinar os comissários de bordo da companhia, alguns dos quais iniciaram o processo de “qualificação de tipo” no verão passado.

À semelhança do que sucede sempre que um novo tipo de avião é integrado na frota, a Air France criou dois grupos core, um de pilotos e outro de hospedeiras e comissários de bordo. Os tripulantes já qualificados vão ter então a tarefa de formar os seus colegas, no âmbito de programas internos certificados pelas autoridades.

Em setembro passado, oito pilotos instrutores frequentaram um programa de formação teórico e prático de oito semanas no centro de formação da Airbus em Montreal. Atualmente, estão a formar os seus colegas – incluindo outros 28 instrutores que completam a equipa de lançamentos-piloto – nomeadamente, através da utilização de um simulador de voo FFS (Full Flight Simulator), assente num suporte mecânico e instalado no centro de simulação da Air France em Paris-CDG. Após a entrega do primeiro avião à Air France, este treino em simulador será complementado por cerca de 20 voos em condições reais, com vista à obtenção da qualificação de tipo A220-300. No final, espera-se que cerca de 700 pilotos da Air France fiquem qualificados para voar esta aeronave.

O mesmo aplica-se às tripulações de cabine, com 14 hospedeiras e comissários formados em Zurique entre setembro e dezembro de 2020. Estes últimos estão atualmente a finalizar a redação dos manuais e do conteúdo de treino que deverão fornecer a partir de setembro 2021. O grupo core selecionou e formou um grupo de 37 hospedeiras e comissários de bordo para concluir o treino prático de voo para tripulações de cabine assim que o A220 entrar em serviço. Finalmente, foram instalados dois modelos de portas do A220 na AFCA (Air France Crew Academy) em Paray Vieille-Poste, perto de Paris-Orly, para formar cerca de 2.500 hospedeiras e comissários de bordo.

Além dos pilotos, hospedeiras e comissários de bordo, a Air France prepara-se, no seu conjunto, para receber o Airbus A220. Da manutenção às escalas, todas os setores operacionais estão mobilizados para a chegada deste avião de última geração.

O Airbus A220 da Air France vai acomodar 148 passageiros numa cabina de configuração 3-2. Cada assento vai estar equipado com portas USB tipo A e C e os clientes vão poder desfrutar do wi-fi dos seus dispositivos pessoais.


DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img