Quinta-feira, Maio 23, 2024
Quinta-feira, Maio 23, 2024

SIGA-NOS:

Alemanha vai deixar de oferecer testes gratuitos a partir de 11 de outubro

O governo alemão planeia deixar de oferecer testes rápidos à Covid-19. Ao abolir os testes gratuitos, o governo espera motivar mais pessoas a serem vacinadas.

A campanha de vacinação contra o coronavírus na Alemanha diminuiu e as pessoas que não aproveitaram a oportunidade para serem vacinadas terão que fazer os testes COVID-19 para participar plenamente da vida pública, disse a chanceler Angela Merkel esta terça-feira, dia 10.

Para estimular que mais pessoas sejam vacinadas, Merkel disse que o governo vai parar de oferecer testes gratuitos a partir de 11 de outubro, exceto para aqueles para os quais a vacinação não é recomendada, como crianças e mulheres grávidas.

O governo também exigirá um certificado de vacinação, recuperação ou um teste negativo para entrar em restaurantes, participar de cerimónias religiosas e praticar desportos em espaços fechados.

A Alemanha tornou os testes gratuitos para todos em março para ajudar a tornar possível um retorno gradual à vida normal após meses de confinamento. Embora cerca de 55% dos alemães estejam totalmente vacinados, o ritmo das inoculações diminuiu.

Na vizinha França, as vacinações aumentaram depois do país tornar obrigatória a apresentação de um certificado de saúde para muitas atividades diárias, o que gerou protestos em massa.

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img
-PUB-spot_img