Segunda-feira, Fevereiro 26, 2024
Segunda-feira, Fevereiro 26, 2024

SIGA-NOS:

Azul quer criar gigante sul-americano com compra do grupo LATAM

A terceira maior transportadora da América do Sul, Azul, de David Neeleman, tem como objetivo um grande alvo de aquisição: a maior companhia aérea do continente, Latam Airlines Group. A Azul poderá fazer uma proposta para comprar o grupo Latam Airlines, que tem sede no Chile e operações em diversos países, incluindo o Brasil.

Em entrevista ao diário chileno Diario Financiero, o CEO da Azul, John Rodgerson, disse que a companhia aérea elaborou uma proposta para adquirir todo o grupo Latam e não apenas a unidade brasileira, como já havia dito publicamente.

Segundo o site brasileiro Aero Magazine, a Azul está apenas a aguardar a saída da Latam do processo de recuperação judicial nos Estados Unidos (Capítulo 11) para dar o próximo passo.

Na sua última declaração pública sobre o assunto, em setembro, o presidente da Latam Brasil, Jerome Cadier, negou qualquer tipo de acordo com a Azul. Além disso, o executivo criticou a rival, dizendo que a Azul “é monopolista e quer aumentar tarifas para satisfazer seus acionistas, não os passageiros”, cita o site. Dias depois, o CEO do grupo, Roberto Alvo, ratificou a posição de Cadier, dizendo que o grupo “não está à venda”.

Uma eventual aquisição do Grupo Latam pela Azul deverá criar uma das maiores empresas aéreas do mundo. Contudo, o processo ainda deverá passar pelo crivo de importantes acionistas da Latam, como a norte-americana Delta Air Lines e a árabe Qatar Airways, sublinha a Aero Magazine. O processo dependerá de ajustes, visto que a Delta Air Lines tem interesse em manter a sua presença estratégica na América do Sul, assim como a concorrente United Airlines, parceira da Azul.

A América do Sul está repleta de conversas sobre fusão de companhias aéreas. Discute-se uma possível combinação entre a Avianca, que aguarda a decisão de um juiz de falências dos EUA sobre seu próprio plano de reestruturação, e a transportadora chilena Sky Airline impulsionada por dois dos seus credores. A American Airlines, a maior transportadora internacional para a América do Sul em 2019, está a aumentar o seu alcance no continente com investimentos na Gol, no Brasil, e JetSmart, no Chile e Argentina. E, por sua vez, a Gol está em processo de aquisição da transportadora regional brasileira Map Transportes Aéreos.

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img
-PUB-spot_img