Quinta-feira, Julho 18, 2024
Quinta-feira, Julho 18, 2024

SIGA-NOS:

Conheça os países que mais gastaram e receberam com turismo em 2023

-PUB-spot_img

A Organização Mundial do Turismo das Nações Unidas (OMT) revelou o ranking dos países que mais gastaram e ganharam com turismo, e os destinos mais visitados no ano passado.

Com um total de cerca de 183 mil milhões de euros em 2023, os turistas chineses foram os que gastaram mais em turismo. A reabertura das fronteiras para as viagens internacionais ultrapassou os americanos, que gastaram 114 mil milhões de euros no ano passado. No ano anterior, os turistas dos Estados Unidos da América ocupavam o primeiro lugar.

Seguida da China, alguns países europeus encontram-se no topo da classificação em algumas das categorias. Nas viagens são os turistas alemães, britânicos e italianos que gastaram mais.

A Alemanha foi o terceiro país que mais gastou em turismo, com um total de 104 mil milhões de euros. Os turistas britânicos ficaram em quarto lugar, com 102 mil milhões de euros. O Canadá, a Itália, a Índia, a Rússia e a Coreia finalizaram a lista dos países que mais gastaram em turismo em 2023, com a Itália a passar do décimo para o sétimo lugar.

Em relação às receitas do turismo, o topo é ocupado pelos Estados Unidos da América, que ganharam 164 mil milhões de euros. De seguida, encontra-se Espanha, que ganhou 86 mil milhões de euros, Reino Unido com 69 mil milhões de euros, França com 64 mil milhões de euros e Itália com 52 mil milhões de euros.

Para complementar a lista dos 15 maiores contribuintes para o turismo, seguem-se: os Emirados Árabes Unidos, a Turquia, a Austrália, o Canadá, o Japão, a Alemanha, a Arábia Saudita, Macau (China), a Índia e o México

Dois países europeus estão nos dois primeiros lugares mais visitados. A França continuou a ser o país a receber o maior número de estrangeiros, com 100 milhões de turistas internacionais. Espanha ficou em segundo lugar, com 85 milhões de visitantes. Ambos ficaram à frente dos EUA (66 milhões), da Itália (57 milhões) e da Turquia (55 milhões).

Ao todo, sete dos dez destinos mais visitados estão situados na Europa. Durante muitos anos, a China foi um dos destinos de topo, no entanto, o número de turistas caiu drasticamente após a pandemia. O número de turistas passou de 65,7% em 2019 para 35,5% milhões em 2023.

-PUB-spot_img

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img
-PUB-spot_img