Quinta-feira, Julho 18, 2024
Quinta-feira, Julho 18, 2024

SIGA-NOS:

Croácia prevê um crescimento de 10% do turismo para a época baixa

-PUB-spot_img

De setembro de 2023 a 24 de março de 2024, a Croácia prevê um aumento de 10% no turismo em comparação com o ano passado, revelou um novo estudo das oportunidades de época baixa para a Croácia e o Mediterrâneo, realizado pela Mabrian.

De acordo com o estudo, em termos de crescimento, “espera-se que a Croácia ultrapasse a Itália e a Turquia durante esses meses, embora ainda não tenha atingido os níveis registados na Grécia”.

Por sua vez, quando comparada aos seus concorrentes mais próximos, os dados indicam que a região do Sudeste do Mediterrâneo é 9 pontos percentuais mais dependente da época alta do que a média do Mediterrâneo próximo, enquanto a Croácia é 16% mais.

“A Croácia está bem posicionada no que diz respeito às motivações dos viajantes”. De acordo com o último estudo global sobre as motivações dos viajantes realizado pela Mabrian, há um crescimento consistente das motivações experimentais para viajar, substituindo as motivações mais convencionais.

A análise do sentimento e das preferências dos viajantes, com base em mais de 400 milhões de interações nas redes sociais, revela que os interesses em experiências ativas, naturais, de bem-estar e gastronómicas estão a ganhar importância em relação aos banhos de sol, às viagens em família, às compras e à vida noturna. “Isto coloca a Croácia perante uma grande oportunidade para solidificar a sua liderança nos produtos de turismo ativo e de natureza durante a época baixa, em comparação com os concorrentes mediterrânicos”, sublinham os especialistas.

“Não há dúvidas sobre as possibilidades de desenvolvimento da região e da Croácia para a época não estival. Os dados mostram uma excelente perceção de segurança e uma oferta turística bem equilibrada para gerar uma atividade sustentável ao longo do ano, impulsionando assim as economias locais”, referiu Carlos Cendra, diretor de marketing e comunicação da Mabrian.

“É ótimo ter a confirmação de que a região do Sudeste do Mediterrâneo e a Croácia estão a avançar para uma atividade turística mais equilibrada ao longo do ano. Este tem sido o objetivo desta conferência desde a sua criação há 7 anos – reunir governos e empresas para alinhar a visão e a estratégia”, acrescentou, por sua vez, Ivana Kolar, CEO da Julius Rose Consulting e diretora da Conferência Tourism 365.

A análise foi apresentada na 7ª edição da Conferência Tourism 365, que teve lugar em Toplice, na Croácia, este mês. Segundo o comunicado, o fórum reuniu entidades públicas do setor do turismo e “grandes empresas privadas” para debater as oportunidades de manter, durante todo o ano, uma atividade turística sustentável em toda a região do sudeste do Mediterrâneo.

-PUB-spot_img

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img
-PUB-spot_img