Quarta-feira, Abril 17, 2024
Quarta-feira, Abril 17, 2024

SIGA-NOS:

Grupo de empresários portugueses está interessado na compra da TAP, avança Sindicato dos Pilotos de Aviação Civil

O presidente do Sindicato dos Pilotos de Aviação Civil avançou esta quinta-feira, 13, com a informação que há um grupo de empresários portugueses interessado na compra da TAP. “Temos conhecimento que há um grupo de empresários portugueses com créditos nacionais e internacionais que estão interessados na compra da TAP e o acionista sabe desse interesse”, disse Tiago Faria Lopes, em declarações à SIC Notícias, sem adiantar, no entanto, quem são.

Esta sexta, dia 14, toma posse o novo CEO da TAP, Luís Rodrigues, de quem Tiago Faria Lopes espera um trabalho semelhante ao que fez na SATA.

“Luís Rodrigues vai garantidamente tentar estabilizar a paz social e a estabilidade operacional, ou seja, a retenção de quadros”, afirmou. “Já trabalhámos com o Luís Rodrigues noutro grupo e sabemos que é capaz, com uma diferença, que é grande, no grupo SATA não teve interferência política. A interferência política tem de sair do grupo TAP”, defendeu.

Questionado sobre se o novo CEO ainda vai a tempo de “vender bem” a TAP, o sindicalista responde: “Vai sempre a tempo, se conseguir manter a paz social e a estabilidade operacional, de certeza absoluta que vamos levar a TAP a bom porto”.

O Sindicato dos Pilotos de Aviação Civil antecipa um verão caótico, “pela falta de pilotos”. “A TAP precisa de 80 pilotos e devia ter-se precavido em novembro, como as suas congéneres o fizeram, não em abril. Já contratou 50, mas saíram 20, faltam mais cinquenta”, disse.

“Os 200 voos cancelados em maio são preocupantes, não é só pilotos, pessoal de cabine e o aeroporto, que não ajuda nada. Vai ser muito complicado. O Luís Rodrigues vai ter uma tarefa muito difícil”, anteviu.

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img
-PUB-spot_img