Domingo, Agosto 14, 2022
Domingo, Agosto 14, 2022

SIGA-NOS:

IATA alerta para possível caos nas fronteiras por causa dos “passaportes de vacinação”

A Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA) alertou sobre um potencial caos nos aeroportos, a menos que “os governos adotem rapidamente processos digitais para gerir os documentos de saúde exigidos para viagens”.

A associação afirma que, antes da Covid-19, os passageiros, em média, gastavam cerca de uma hora e meia em processos de embarque por cada viagem – incluindo check-in, segurança, controle de fronteira, alfândega e recolha de bagagem.

Os dados atuais indicam que os tempos de processamento do aeroporto aumentaram para três horas durante os horários de pico.

Os maiores aumentos ocorrem no check-in e no controle de fronteiras (emigração e imigração), onde as credenciais de saúde para viagens são apresentadas principalmente em papel.

Sem melhorias no processo, o tempo gasto nos processos do aeroporto poderá chegar a 5 horas e meia por viagem com 75% dos níveis de tráfego pré-Covid-19 e oito horas por viagem com 100% dos níveis de tráfego pré-Covid-19.

“Sem uma solução automatizada para verificações à covid-19, podemos vir a assistir a interrupções significativas em aeroportos no futuro. Os tempos médios de processamento e espera de passageiros já duplicaram em relação ao que eram antes da crise durante o horário de pico – atingindo inaceitáveis ​​três horas. (…) Ninguém vai tolerar horas de espera no check-in ou para as formalidades de fronteira. Devemos automatizar a verificação das vacinas e dos certificados de teste antes que o tráfego cresça. As soluções técnicas existem. Mas os governos devem concordar com os padrões de certificado digital e alinhar os processos para aceitá-los. E devem agir rápido ”, afirma Willie Walsh, Diretor Geral da IATA.

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img