Domingo, Agosto 14, 2022
Domingo, Agosto 14, 2022

SIGA-NOS:

José Lopes: “Passageiros vacinados ou imunes devem estar isentos de testes e/ou quarentena”

A easyJet vê com agrado a implementação do “Green Pass” Europeu, como um fator adicional para ajudar a retoma das viagens. No entanto, considera que a vacinação não deve ser um pré-requisito para embarcar, mas sim um auxílio válido para a retoma de viagens aéreas. “Todos devem poder viajar, fazendo testes, se necessário”, refere José Lopes, diretor geral da easyJet para Portugal, em entrevista ao TNEWS.

A easyJet informou que tinha registado um aumento de reservas para o verão logo após o anúncio do plano de desconfinamento do governo inglês. Mantém-se atualmente uma procura crescente?
Nos últimos meses, a easyJet tem verificado um elevado crescimento no número das suas reservas aquando do levantamento de restrições por parte dos Governos de cada país. Prova disso foi o que sucedeu após as declarações do Primeiro-ministro britânico, as reservas para os nossos voos para o sul da Europa, incluindo Portugal, aumentarem mais de 300%. No entanto, com o anúncio da retirada de Portugal da lista vermelha do Reino Unido, o aumento registado não foi tão exponencial, uma vez que o levantamento da proibição não foi acompanhado pelo governo Português, ou seja, não teve repercussão prática. Até que o nosso país levante também a proibição, continua a não ser possível retomar os voos entre Portugal e o Reino Unido. Esperamos que essa medida seja tomada em breve e contamos que nessa altura o retomar da procura se faça sentir. É natural que ao longo do tempo, com o aproximar do verão e com a expectável diminuição das restrições governamentais, o número de reservas cresça, uma vez que a vontade de viajar por parte das pessoas apesar de latente, existe.

Há muitos países europeus para os quais o mercado inglês é importante. Portugal, e no caso o Algarve, está bem posicionado para captar uma fatia do mercado inglês no verão?
Portugal tem sido considerado nos últimos anos, um dos melhores destinos turísticos de verão na Europa. Por consequência, o Algarve é um dos locais mais solicitados para quem pretende passar férias numa região com um ótimo clima e praias de qualidade. O mercado britânico é a principal origem de turistas em Portugal e tem sido o que mais nos procurou nos últimos verões, apesar de toda a situação pandémica e das fortes restrições governamentais implementadas. Por tudo isto, sim, continuamos a acreditar que a região se encontra bem posicionada para receber uma boa fatia do mercado inglês no verão. A certeza da easyJet no potencial do nosso país, e em particular no Algarve, é tal que mantém a abertura da sua nova base em Faro, para a 1 de junho. Esta irá contribuir para a retoma do turismo e para a empregabilidade da região, dando origem a cerca de 100 postos de trabalho diretos e muitos mais indiretos. Seremos mais uma vez o melhor parceiro do Algarve, trazendo a tão necessitada dose de oxigénio à economia à região.

“É natural que ao longo do tempo, com o aproximar do verão e com a expectável diminuição das restrições governamentais, o número de reservas cresça, uma vez que a vontade de viajar por parte das pessoas apesar de latente, existe”

Como é que a easyJet Portugal recebeu o plano de desconfinamento do governo português? É possível com este plano criar uma estratégia de retoma?
A situação pandémica veio trazer-nos uma nova realidade e a necessidade de adaptação relativamente rápida e eficaz. O primeiro passo para uma possível retoma a tempo do verão é a implementação de um plano de desconfinamento e nesse âmbito, a easyJet recebeu de forma positiva o esforço do governo português. Esperamos que outros governos Europeus sigam o exemplo britânico e português e que definam também “roadmaps” claros de desconfinamento. No entanto, consideramos que ainda há vários entraves que impedem o regresso à normalidade, como é o caso dos requisitos necessários para viajar. No caso específico da vacinação, louvamos a implementação do “Green Pass” Europeu, como um fator adicional para ajudar a retoma das viagens. Consideramos, contudo, que a vacinação não deve ser um pré-requisito para embarcar, mas sim um auxílio válido para a retoma de viagens aéreas. Todos devem poder viajar, fazendo testes, se necessário. Do nosso ponto de vista, as pessoas vacinadas ou consideradas imunes contra a covid-19 devem ser sempre isentas de testes, de quarentena e de outras restrições, simplificando todo o processo de circulação de passageiros. A easyJet considera que quando se tem que impor testes por uma questão de saúde pública, se deve recorrer à combinação de 2 testes antigénio (5 e 3 dias antes da viagem), em vez de um teste PCR (3 dias antes da viagem). Essa solução garante a mesma eficácia a nível de saúde pública, é muito mais económica e impacta menos a procura. Convém recordar que o custo de um teste PCR é, em muitos casos, mais caro do que o próprio voo. Neste sentido, defendemos que todos os países da União Europeia devem agir em conformidade e estipular medidas comuns, claras e objetivas acerca do processo de circulação no espaço europeu. É importante que exista consenso no pedido de formulários, requisitos para documentação e/ou certificados de vacinação para que a retoma de viagens ocorra de forma rápida e segura. Com base nisto, e nas medidas que nos forem apresentadas nos próximos meses, adaptaremos sempre que necessário a nossa estratégia de retoma, para transmitir aos nossos passageiros confiança e segurança, que são imprescindíveis para quem nos acompanha e escolhe no momento em que agenda as suas viagens.

“Esperamos que outros governos Europeus sigam o exemplo britânico e português e que definam também “roadmaps” claros de desconfinamento”

Qual é a oferta de voos para este verão para Portugal neste momento?
A nossa oferta atual para Portugal (em março de 2021) é de 14% da nossa capacidade “normal” (leia-se 2019). Em Abril, esta aumentará para 29% e em Maio andará entre os 40%/50%, contudo, ainda é cedo para o dizer, uma vez que o mercado continua bastante volátil a nível da implementação de restrições e é constantemente reavaliado. Se tudo correr de forma positiva com os números da pandemia na Europa e os objetivos dos níveis de vacinação se mantiverem, esse crescimento poderá continuar a sentir-se durante os meses de pico do verão.

É possível que venham a aumentar a oferta de voos para o verão em Portugal?
Neste momento, temos de olhar para tudo isto com bastante cautela, porque sabemos que de um instante para o outro, tudo pode mudar. A principal mensagem a reter é que a easyJet está efetivamente confiante em relação a este verão, a procura reprimida é enorme e é possível voltar a viajar de forma segura. A easyJet tem capacidade e flexibilidade para capturar rapidamente esta procura assim que esta retomar. Oferecemos condições de flexibilidade, líderes na indústria, que permitem a todos os consumidores fazer planos e reservar com confiança.

“A easyJet considera que se deve recorrer à combinação de 2 testes antigénio (5 e 3 dias antes da viagem), em vez de um teste PCR (3 dias antes da viagem). Essa solução garante a mesma eficácia a nível de saúde pública, é muito mais económica e impacta menos a procura”

Quais são as expectativas para as rotas de Portugal para o verão?
A easyJet está bastante expectante para as rotas de Portugal para o verão. Sabemos que é um destino muito requisitado e pretendemos dinamizá-lo da melhor forma possível. Neste sentido, iremos abrir a nossa terceira base em território nacional, desta vez no aeroporto de Faro, a 1 de junho. Temos trabalhado continuamente de forma a aumentar a oferta em território nacional, disponibilizando novas rotas, tal como fizemos ao anunciar a nova ligação Faro – Amsterdão e, a ainda mais recentemente entre Faro e Birmingham. No caso desta última, as reservas para o trajeto já se encontram à venda e os voos serão realizados a partir de 29 de junho, através de 3 frequências semanais. Além do número de rotas que apresentamos, a nossa oferta inclui ainda a melhores políticas da indústria de reserva flexíveis, permitindo que os clientes façam reservas com confiança, sabendo que caso os seus planos mudem, os seus voos podem também ser alterados. Estamos confiantes de que conseguiremos assegurar aos nossos passageiros, as tão desejadas férias e os encontros adiados pela pandemia, para que possam voltar a passar tempo de qualidade com os seus amigos ou familiares.

Já é conhecida a proposta da Comissão Europeia para um livre-trânsito digital que comprove que os passageiros estão vacinados, recuperados ou testaram negativo à Covid-19. Cada Estado membro é que vai implementar este livre trânsito, é possível que isto crie novamente assimetrias?
Temos acompanhado toda esta situação e desde cedo temos defendido a implementação de uma metodologia clara, igual em todo o espaço europeu e baseada na gestão de risco. A easyJet tem conhecimento da dificuldade que existe em chegar a um consenso neste âmbito, no entanto, é importante que exista um sistema de testagem comum e com base científica facilmente ajustável às necessidades de cada região. Um princípio básico é a liberdade de circulação de pessoas, que é um dos pilares da UE que deve ser intocável. Todos deverão poder viajar. Se a origem do voo for de um país sem risco, deve-se viajar sem qualquer tipo de restrição. Se a origem for de um país de risco moderado deve recorrer-se à implementação de testes antigénio como explicado anteriormente. Se a origem for de um país de risco elevado, deve optar-se por uma conjugação de testes com tempos de quarentena. Para as pessoas que já estiverem vacinadas ou forem consideradas imunes pelas entidades de saúde pública, deve existir total isenção da necessidade de testes e/ou quarentena. Deste modo, simplifica-se todo o processo, estimula-se a confiança dos consumidores e retoma-se alguma normalidade, tornando possível voltar a viajar de forma continuada, sem inconvenientes, e recuperando e defendendo o pilar Europeu da liberdade de circulação. Assim será possível continuar a afirmar a Europa como um dos principais destinos turísticos do mundo.

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img