Sábado, Fevereiro 24, 2024
Sábado, Fevereiro 24, 2024

SIGA-NOS:

Meliá prevê inaugurar um novo hotel a cada duas semanas em 2024

A Meliá Hotels International revelou esta quarta-feira, na Fitur, a Feira de Turismo de Madrid, o seu plano de expansão internacional. Em 2024, o objetivo da cadeia hoteleira é incorporar consistentemente novos hotéis, com foco nos segmentos de luxo e premium, mantendo o ritmo de, pelo menos, um novo hotel a cada duas semanas.

“O futuro da nossa empresa passa por sermos gestores maiores e melhores, o que implica incorporar, no mínimo, um hotel a cada duas semanas; um crescimento que será muito qualitativo, centrado especialmente nos segmentos de luxo e premium, em parceria com os melhores parceiros do setor, e consolidando a nossa liderança no Caribe, sudeste asiático e Mediterrâneo”, afirmou Gabriel Escarrer, presidente e CEO da cadeia hoteleira.

Em 2023, a Meliá assinou 26 novos projetos e inaugurou 12 hotéis, fortalecendo a sua presença no Caribe, sudeste asiático e novos mercados do Mediterrâneo, como Albânia. Encerrando o ano com 350 hotéis em operação e 92.057 quartos, a empresa possui mais 64 projetos em processo de abertura, totalizando 13.524 quartos.

Entre as recentes adições ao portfólio destacam-se o Gran Meliá Nha Trang (Vietname), Palazzo Cordusio Gran Meliá (Milão, Itália), Ngorongoro Lodge, Meliá Collection (Tanzânia), Meliá Durres (Albânia) e INNSiDE Bangkok Sukhumvit (Tailândia).

Em 2024, os planos de expansão da empresa continuarão a ser igualmente ambiciosos, com o objetivo inicial de abrir mais de duas dezenas de hotéis e assinar outros tantos. O lançamento do hotel Torre Melina, Gran Meliá, em Barcelona, marca um dos pontos altos do ano, assim como a expansão da marca ME by Meliá para destinos como Lisboa, Malta, Málaga, Sayulita e Guadalajara (México). A marca Zel, em colaboração com Rafa Nadal, também anuncia novos empreendimentos em Tossa del Mar (Girona), Sayulita (México), Madrid e Punta Cana (República Dominicana).

Gabriel Escarrer destacou o compromisso de duplicar o portfólio da empresa no México, consolidando a presença na República Dominicana com conceitos inovadores das marcas Paradisus by Meliá, Meliá Hotels & Resorts e Zel. Além disso, foi anunciado um novo acordo para o desenvolvimento de um terceiro hotel no projeto turístico em curso em Puerto Plata.

A empresa também anunciou um novo foco de expansão na Arábia Saudita, com um acordo de intenções para gerir um hotel de 220 quartos em Half Moon Bay, ao sul de Al-Khobar, em parceria com a Gulf Real Estate Company.

Além disso, Escarrez destacou o grande crescimento da marca Meliá Collection, que passará de oito a 16 hotéis nos próximos anos, fortalecendo o compromisso da empresa com o segmento de luxo. Neste sentido, foram recentemente anunciadas as assinaturas de dois hotéis boutique em Maiorca e um em Cádiz, que se tornará no primeiro hotel 5 estrelas do seu centro histórico.

Albânia: A abertura de um novo mercado turístico

“Após abrir o seu primeiro hotel na Albânia em 2022, a Meliá está a liderar o desenvolvimento do setor hoteleiro internacional, como já fez em outros destinos pioneiros do Mediterrâneo”, indica a cadeia hoteleira. A empresa inaugurou mais dois hotéis em 2023 e atualmente tem 13 em processo de abertura, totalizando mais de 3.000 quartos, operacionais e em pipeline. Os dois últimos projetos foram assinados este ano: o ME Tirana e o Meliá Velipoja.

“O compromisso do setor público e privado em abrir as portas da Albânia ao turismo internacional é um sinal inequívoco do grande potencial que este país possui, e a prova disso é que o próprio Primeiro-Ministro albanês, Edi Rama, nos acompanha aqui hoje para apoiar firmemente o nosso investimento no destino”, sublinhou o presidente. O Primeiro-Ministro, juntamente com a Ministra do Turismo e Meio Ambiente, Mirela Kumbaro, participaram na apresentação da Meliá na Fitur para apoiar os planos de expansão da empresa.

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img
-PUB-spot_img