Quinta-feira, Maio 23, 2024
Quinta-feira, Maio 23, 2024

SIGA-NOS:

Pestana fixa salário mínimo em €1000 para todos os trabalhadores em Portugal

O Pestana Hotel Group (PHG), líder da hotelaria em Portugal, decidiu reforçar a sua política de remunerações, fixando o valor mínimo mensal total, incluindo retribuição e subsídio de alimentação, nos 1000 euros.

Em comunicado, o grupo informa que esta atualização traduz o esforço da cadeia em “aumentar o rendimento dos seus colaboradores logo desde as funções de entrada, integrando ainda complementarmente um pacote de benefícios que abrange todo o universo do PHG”.

“Trata-se de um reconhecimento da importância que o Grupo dá ao seu mais importante ativo: as suas pessoas. E são muitas, cerca de 4000 só em Portugal, que nos têm acompanhado na afirmação da nossa marca e do seu sucesso ao longo dos cinquenta anos de existência”, afirma José Theotónio, CEO do PHG.

Todos os colaboradores a tempo inteiro do PHG receberão, já a partir de fevereiro, um valor mensal total mínimo de 1000 euros, incluindo um reforço do subsídio de alimentação. A este valor acresce ainda um conjunto de benefícios, no qual se inclui seguro de saúde, apoio psicológico, formação contínua, programa de mobilidade nacional e internacional, modelo híbrido de trabalho para serviços
partilhados, entre outros, “num pacote que pretende liderar na competitividade da indústria hoteleira”.

9 COMENTÁRIOS

  1. A ser verdade, acho uma iniciativa excelente, preocupados com o bem estar dos seus colaboradores. Um colaborador feliz e satisfeito trabalha muito mais e decerto a sua rentabilidade e muito maior. Parabens!

    • Ainda falta o quase, no entanto tens que ler a coisa de outra maneira, digamos com mais atenção! O valor já inclui subsídio de alimentação, não desmerecendo a iniciativa, dado que a maioria das empresas são de salário mínimo, é a mentalidade do empresário português, o aumento do salário é porque o governo aumenta, de outro modo se pudessem pagariam menos.
      Não é proibido pagar acima do mínimo, este é só um valor de orientação. Muitos dos gerentes e administradores, esqueceu-se de que para serem o que hoje são, os pais e os avós, comeram o pão que o diabo amassou enquanto trabalhadores e muitos só emigrando conseguiram o pecúlio que permitiu aos filhos uma ascensão social por via da possibilidade de poderem ter estudado e obter uma formação superior. A grande maioria dos trabalhadores são pobres e continuarão a sê-lo os filhos e netos tal como os pais.
      É o desígnio do trabalhador, porque a exploração do homem pelo homem continuará!
      É inadmissível que uma pessoa que trabalhe continue sempre pobre, que não consiga ser autosuficiente. Um jovem de salário mínimo está condenado a viver com os pais, não ganha para pagar a renda de uma casa e despesas inerentes.

  2. Com os lucros que receberam no último ano e início deste podiam e deviam valorizar todas as carreiras. Os de entrada recebem 1000€ e os que já trabalham há 10 anos recebem o mm.
    Parabéns

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img
-PUB-spot_img