Quarta-feira, Fevereiro 8, 2023
Quarta-feira, Fevereiro 8, 2023

SIGA-NOS:

Porque é que este congresso da APAVT será o mais sustentável de sempre?

O 47º Congresso Nacional da APAVT – Associação Portuguesa das Agências de Viagens e Turismo vai realizar-se de 8 a 11 de dezembro de 2022, em Ponta Delgada, nos Açores. O objetivo da associação, este ano, é “fazer deste o congresso mais sustentável do turismo português”. Para conseguir alcançar esse objetivo, a APAVT anunciou esta terça-feira, 6 de dezembro, algumas iniciativas de sustentabilidade que serão implementadas no congresso.

Compensação de Carbono

A deslocação de cada convidado aos Açores, incluindo a viagem, estadia e participação nas atividades do congresso, totaliza, em média, uma emissão de 346 Kg de CO2, de acordo com a CARMACAL, calculadora de emissões de carbono especialmente construída para operadores turísticos e agentes de viagens. Aproximadamente 85% deste total corresponde às viagens de avião, 9% ao alojamento e os 6% que sobram aos demais transportes e atividades, explica a APAVT.

“Até que seja possível evitarmos as emissões, temos a possibilidade de, no mínimo, compensar a nossa pegada ambiental, contribuindo para projetos que permitam a compra de créditos para a redução de emissões de Gases de Efeito de Estufa ou a prossecução de outros objetivos de sustentabilidade”, indica a associação, explicando que escolheu um projeto destinado a recuperar as turfeiras do Planalto dos Graminhais, que constituem um ecossistema único em São Miguel.

As turfeiras têm uma reconhecida capacidade de captura de carbono, estimada em valores de 0,7 toneladas/há anuais, promovem a biodiversidade, são igualmente importantes para o ciclo da água e limitam a possibilidade de derrocadas e deslizamentos, afirma a APAVT.

“O seu contributo permitirá a continuação da recuperação e manutenção deste ecossistema, que apresentava um elevado estado de degradação. Pedimos-lhe contribua com o que puder, tendo em conta que 5€ é o valor estimado da compensação de carbono dos 346kg da sua pegada”, sustenta a associação, indicando que os convidados terão oportunidade para doar este valor quando levantarem o seu badge.

Alojamento Sustentável

A APAVT informa que os hotéis do congresso têm reconhecidas práticas, e selos credíveis, de sustentabilidade. “Durante a sua estadia, não serão mudadas as toalhas, a não ser que o peça (ou por ocasião do check in, ou a qualquer momento). Com o Azoris, fomos mesmo um passo além: se não o pedir expressamente na receção, durante a estada não será feita a limpeza no seu quarto, embora não deixe de ser feita a cama”.

Um congresso (quase) sem papel e sem garrafas de plástico

A associação vai oferecer a todos os congressistas uma garrafa de água reutilizável, que poderão encher, quer antes de sair do hotel, quer no teatro Micaelense. “Desta forma, evitamos o recurso às garrafas de plástico de uso único que já ninguém usa (ou deveria usar) na nossa indústria”.

No âmbito do compromisso assumido com a sustentabilidade, a APAVT vai reduzir ao mínimo indispensável a utilização de papel no congresso. Assim, a associação está a apelar aos seus patrocinadores e parceiros que optem pela utilização de meios digitais para oferecer aos congressistas os seus materiais promocionais, abandonando a prática de trazer brochuras e folhetos em papel. “O exemplo começa em casa, optámos, este ano, por disponibilizar o programa, lista de participantes e outras informações em formato exclusivamente digital“.

“Tudo o que pudemos, produzimos nos Açores. No que diz respeito à alimentação, tivemos o cuidado de questionar também todos os parceiros de catering quanto às suas práticas de sustentabilidade, designadamente a gestão do desperdício. Tudo conta!”, conclui a associação.

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img