Terça-feira, Dezembro 6, 2022
Terça-feira, Dezembro 6, 2022

SIGA-NOS:

Reino Unido confiante na reabertura em julho. Novo ministro da Saúde diz que país deve “aprender a viver” com o vírus

O novo ministro da Saúde britânico, Savij Javid, disse esta segunda-feira, dia 28 de junho, que está confiante de que o país está no caminho certo para remover as restrições que permanecem ao coronavírus a 19 de julho, enfatizando que a rápida implementação da vacinação está a “quebrar o vínculo” entre o aumento do número de infeções e doenças graves e mortes.

Sajid Javid foi ouvido no Parlamento onde defendeu que todos os números sugerem que o país está a caminhar “na direção certa”, afirmando que “as restrições às nossas liberdades devem acabar”.

O novo ministro da saúde do Reino Unido disse que o país deve “aprender a viver” com a Covid-19.

“Nenhuma data que escolhemos vem com risco zero para a Covid”, disse Javid na sua primeira declaração na Câmara dos Comuns. “Não podemos eliminá-lo; em vez disso, temos que aprender a conviver com isso”, acrescentou.

Javid declarou que os dados sobre as vacinações da Covid-19 estão na direção certa e que as restrições finais ao coronavírus seriam suspensas em breve em Inglaterra: “Não vemos razão para ir além de 19 de julho”.

Apesar de um aumento acentuado no número de casos da variante Delta identificada pela primeira vez na Índia, Javid disse que a tomada de vacinas foi “altíssima” e que dois terços dos adultos terão recebido as duas vacinas em 19 de julho.

O ministro de Saúde disse que o fim das restrições a grandes aglomerações e a abertura de determinados negócios, incluindo discotecas, seria um passo final e “irreversível”.

Sajid Javid disse ainda que deseja encontrar-se com o ministro dos transportes, Grant Shapps, para discutir o sistema de semáforos.

“Também levamos muito a sério as restrições de fronteira e o chamado sistema de semáforos”, acrescentou. A tomada de qualquer outra decisão sobre isso é mantido sob revisão constante e e regular e é algo que pretendo discutir com o ministro de Transportes assim que puder.”

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img