Quarta-feira, Fevereiro 8, 2023
Quarta-feira, Fevereiro 8, 2023

SIGA-NOS:

Saída de Pedro Nuno Santos dá nova esperança à privatização da TAP

“Se a TAP estivesse cotada em Wall Street, o valor da empresa teria aumentado após a saída de
Pedro Nuno Santos”.

Por Pedro Castro

Se o ex-Ministro reconhecia a necessidade da TAP integrar um dos grandes grupos de aviação
mundial, as suas ações iam mais na direção de afastar o interesse desses grupos. A aviação dita de bandeira transformou-se num negócio de escala, multinacional, muito focado nas margens de negócio e nos dividendos que gera para uma multitude de acionistas privados. Para isso, as empresas do setor apostam cada vez mais na eficiência operativa, na transparência e igualdade das condições de mercado, no bom funcionamento das instituições e no papel coadjuvante das entidades.

Para a SkyExpert, Pedro Nuno Santos representa o oposto de tudo o que esses grupos valorizam. O ex-ministro representava a ideologia governativa que desfez um negócio estatal com um privado impondo a arbitrariedade coerciva do Estado em 2016, embirrava abertamente com a administração privada de Neelman, destratou publicamente o CEO de um agente económico (curiosamente o da maior companhia europeia em passageiros e da segunda mais importante em Portugal), distorceu as regras de mercado ao ajudar apenas uma única empresa de aviação portuguesa, foi o único dirigente europeu que optou por nacionalizar uma companhia aérea, nomeou os conselhos de administração das entidades “neutras” do setor (NAV e ANAC) com pessoas do aparelho político e manteve a TAP colada ao seu ministério (nota: a TAP não é uma infraestrutura).

Eu considero impensável um qualquer privado dum grande grupo aeronáutico que deve explicações aos seus acionistas para não perder o lugar, querer arriscar o seu capital adquirindo ou, pior, partilhando a TAP com um governo que tem um ministro destes no poder.

A figura de Pedro Nuno Santos iria ser um obstáculo à própria ideia de privatização. A saída de Pedro Nuno Santos irá trazer um enorme alívio para toda a indústria aeronáutica nacional e internacional e para a própria CEO da TAP. Numa hipotética cotação em bolsa da companhia em Wall Street, já teríamos visto esse alívio refletido num imediato aumento do valor das ações da TAP.

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img