Quarta-feira, Agosto 10, 2022
Quarta-feira, Agosto 10, 2022

SIGA-NOS:

Sky Cruise: o hotel aéreo futurista que acomoda 5000 hóspedes e que pode ficar “infinitamente no céu”

Conheça o Sky Cruise, um projeto para um hotel voador, movido a energia nuclear, que foi concebido por Tony Holmsten há cerca de 11 anos e animado recentemente por Hashem Al-Ghaili. O seu tamanho gigantesco poderia acomodar mais de 5.000 hóspedes, que chegariam a bordo através de aviões comerciais ou privados, sem nunca precisar de aterrar.

Hashem Al-Ghaili, comunicador científico, publicou um vídeo no YouTube em que explica o conceito: “Apresentamos o Sky Cruise, um hotel movido a energia nuclear suspenso acima das nuvens.”

“O seu design elegante combina as características de um avião comercial com um navio cruzeiro de luxo”, ouve-se no vídeo animado. O projeto inclui um hall com vistas de 360 graus, um elevador que conecta o hall panorâmico até à plataforma principal, que é “perfeita para atividades recreacionais”. Esta plataforma inclui “centros comerciais, centros desportivos, piscinas, restaurantes, bares, teatros e cinemas”.

O projeto acomoda, ainda, um espaço separado dedicado a eventos e reuniões e um espaço para casamentos. “Se quiser declarar o seu amor acima das nuvens, o espaço de casamentos da Sky Cruise dá-lhe a si, ao seu parceiro e aos seus convidados uma experiência única e memorável”.

O avião contempla, ainda, vários espaços para observar as estrelas e as auroras boreais de perto.

Os 20 motores elétricos do Sky Cruise seriam movidos a energia nuclear limpa, por isso o avião não emitiria pegada de carbono. Um reator nuclear permitiria que o hotel aéreo tivesse energia ilimitada, e pudesse “permanecer no céu durante vários anos, sem ter necessidade de aterrar em terra”.

A turbulência não seria um problema, de acordo com o vídeo animado, porque os seus sistemas de navegação iriam utilizar inteligência artificial para prever a turbulência minutos antes de acontecer. Se fosse detetada, um sistema de “tecnologia anti-turbulência” poderia impedir que se sentisse.

“Diga adeus ao jet-lag, enjoos e do medo de voar”, porque o hotel aéreo iria dispôr de um espaço com a tecnologia médica mais recente, destinado “a mantê-lo seguro, saudável e em forma, para que desfrute da viagem sem perturbações”.

Os hóspede chegariam ao Sky Cruise através de aviões comerciais elétricos e jatos privados, que partiriam de diversos aeroportos ao redor do mundo.

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img