Sábado, Junho 15, 2024
Sábado, Junho 15, 2024

SIGA-NOS:

Turismo de Cuba acredita que mercado português vai continuar a crescer em 2023

O Turismo de Cuba está confiante no crescimento do mercado português no próximo ano, apesar da incerteza económica provocada pela subida da inflação. Niurka Perez Denis, conselheira de turismo da Embaixada de Cuba em Espanha e responsável pelo mercado português e espanhol, disse ao TNews que o país “vai preparar produtos e preços que permitam aos portugueses continuar a viajar para Cuba”, no próximo ano. A responsável participou no passado fim de semana na primeira convenção do grupo de gestão de agências de viagens DIT Portugal.

“Cuba não quis deixar de estar presente na primeira convenção que a DIT realiza em Portugal, justamente porque os laços que nos unem com a DIT são fortes e também porque é um grupo que mantém uma relação com Cuba, e promove juntamente connosco as viagens para o nosso destino”, afirma a responsável.

Niurka Perez Denis considera Portugal “um mercado muito interessante”, porque “os portugueses gostam muito de Cuba, das suas praias, e de Havana”. No entanto, o Turismo de Cuba aproveitou a convenção “também para promover a região oriental de Cuba”, tendo em conta a abertura do voo da Iberojet, de Madrid para Santiago de Cuba. “Portugal é um país muito interessante para Cuba, unem-nos muitos laços, além de termos características similares, acredito que é um mercado com potencial”, acrescenta.

A decisão de abrir ao turismo mais tarde que outros destinos concorrentes das Caraíbas teve como objetivo “garantir a segurança sanitária da população cubana e, com isso, garantir a imunização de todos os trabalhadores do turismo”, explica a responsável. De igual modo, “os turistas que visitaram Cuba sentiram-se seguros ”. Apesar disso, Niurka Perez Denis afirma que, a partir de abril, quando já estavam criadas todas as condições, iniciou-se uma forte retoma de turistas para Cuba.

Este ano, o país tem como meta alcançar os 2,5 milhões de turistas. “Portugal que, por muitos anos, se encontrava dentro dos primeiros 20 mercados emissores para Cuba, está agora na posição 11, e é o único mercado que cresce para Cuba, comparativamente a 2021”, declara. Com duas companhias aéreas a operar diretamente para Varadero, a Iberojet e World2fly, de Portugal, a responsável do turismo cubano destaca as boas ocupações que se registaram no verão. Uma vez que os charters de verão têm “muito boas ocupações”, Niurka Perez Dinis afirma que o Turismo de Cuba “está a trabalhar com as companhias aéreas, como a World2Fly, de forma a podermos manter, se não com duas, pelo menos uma frequência no inverno no próximo ano”. Para já, este ano o que sucedeu foi um prolongamento do voo da World2Fly que, em vez de terminar a meio de agosto, está a operar até outubro.

Convenção espanhola em Cuba

A convenção ibérica da DIT Gestión vai realizar-se no próximo ano em Cuba, adiantou Niurka Perez Denis, que viajou este ano para a feira FIT Cuba acompanhada do presidente da DIT, Jon Arriaga. Na ocasião, reuniram-se com o ministro do Turismo cubano. “Acordámos que a convenção da DIT Gestión no próximo ano se realizaria em Cuba, os agentes irão participar, primeiro na FIT Cuba, em Havana, e, depois, irão para Cayo Santa Maria, para a realização da convenção”, contou a responsável. Recorde-se que a FIT Cuba realiza-se na primeira semana de maio.

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img
-PUB-spot_img