Sábado, Junho 15, 2024
Sábado, Junho 15, 2024

SIGA-NOS:

Arábia Saudita lança uma nova companhia aérea, a Riyadh Air

O Príncipe Herdeiro da Arábia Saudita, Saudita Mohammed bin Salman, anunciou no passado domingo o lançamento da Riyadh Air, a nova companhia aérea da Arábia Sadita que ficará baseada em Riyadh e que pretende voar para mais de 100 destinos até 2030.

De acordo com a agência noticiosa estatal SPA, “será uma companhia aérea de classe mundial, adotando os melhores padrões globais de sustentabilidade e segurança”. Graças ao lançamento desta transportadora, o PIB do país poderá crescer em cerca de 20 mil milhões de dólares (18,66 mil milhões de euros), de acordo com a agência. A Riyadh Air também deverá criar mais de 200.000 empregos diretos e indiretos.

No entanto, a transportadora, que será de propriedade integral do Fundo de Investimento Público do governo, enfrenta forte concorrência, inclusive da outra companhia aérea estatal do país, a Saudia, anteriormente conhecida como Saudi Arabian Airlines. O país vizinho, os Emirados Árabes Unidos, também a detêm a Emirates e a Etihad Airways. A estatal Qatar Airways é outra concorrente de longa data na região. Tony Douglas, ex-presidente-executivo da Etihad, liderará a Riyadh Air.

Rico Merkert, professor de transportes e gestão da cadeia de abastecimento na Universidade de Sydney, disse que esta mudança é “um desenvolvimento significativo para a indústria da aviação”. Merkert salientou que a Riyadh Air está a tentar voar para 100 de destinos até 2030, quando outras companhias aéreas estão a tentar atingir as zero emissões de carbono nesse mesmo ano. No entanto, os aviões que serão usados ​​pela Riyadh Air são “muito eficientes em termos de combustível e, portanto, emitem menos CO2 em comparação com as frotas de alguns de seus concorrentes”, frisou.

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img
-PUB-spot_img