Terça-feira, Maio 21, 2024
Terça-feira, Maio 21, 2024

SIGA-NOS:

Bali propõe sistema de quotas para turistas e estuda novo imposto para controlar afluxo de visitantes

Com a retoma do turismo após a pandemia de covid-19, muitos destinos estão a registar uma chegada massiva de viajantes, o que tem levado algumas localidades a considerar a implementação de restrições. Em Bali, na Indonésia, o governador Wayan Koster propôs a adoção de um sistema de quotas, que requer que os turistas estrangeiros se registem com um ano de antecedência para a sua viagem.

“Não vamos continuar a acolher o turismo de massas. Vamos restringir o número de turistas através da implementação de um sistema de quotas. Se houver uma quota, as pessoas terão de esperar na fila. Quem quiser vir no próximo ano pode inscrever-se a partir de agora. Esse é o sistema que queremos aplicar”, detalhou Koster.

O objetivo desta medida é reduzir o número de violações da legislação local por parte dos visitantes, revelou o governador. Apenas este ano, já foram expulsos 101 turistas estrangeiros por não respeitarem as regras vigentes.

As autoridades de Bali estão a considerar não apenas a implementação de um sistema de quotas, mas também a análise da possibilidade de introduzir uma taxa turística para os visitantes estrangeiros. Esta medida teria como finalidade financiar uma série de iniciativas e evitar que Bali seja conhecida “apenas como um destino turístico barato”.

“Destinos baratos atraem turistas com orçamentos limitados, que muitas vezes causam diversos problemas”, afirmou Ida Bagus Agung Partha Adnyana, presidente do Conselho de Turismo de Bali.

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img
-PUB-spot_img