Segunda-feira, Agosto 8, 2022
Segunda-feira, Agosto 8, 2022

SIGA-NOS:

Do Glamping às rotas turísticas. Os 7 projetos que chegaram à final do Tomorrow Tourism Leaders Super Edition

O Banana Glamping foi o grande vencedor da competição Tomorrow Tourism Leaders Super Edition, organizado pela Associação Fórum Turismo em parceria com o Super Bock Group e o Turismo de Portugal. O projeto, que estava a representar a região da Madeira, recebeu um prize money de 5.000€ e vai agora contar com o apoio da Direção Regional para a sua implementação no território.

A competição nacional para empreendedores, que teve por objetivo encontrar novas soluções e oportunidades para tornar Portugal um destino turístico mais sustentável, nomeadamente através do produto Turismo de Natureza, atraiu 750 ideias. Destas, 190 passaram à segunda fase. A terceira fase implicou a avaliação dos projetos pelas cinco Entidades Regionais de Turismo e as duas Direções Regionais de Turismo, tendo cada uma selecionado a melhor ideia para a sua região.

Revelamos os projetos que chegaram à final representando cada uma das regiões de turismo:

Porto e Norte

O projeto consistia numa plataforma que permite ao gestor certificar o seu negócio como sustentável se alcançar todas as metas automaticamente atribuídas. Além disso, a plataforma disponibiliza informação, formação e consultoria sobre as melhoras praticas sustentáveis.

Centro

O projeto Aquaglamping, na Lagoa da Ervideira, é uma nova vertente do glamping tradicional. O turista pode escolher pernoitar em terra ou em água. As estruturas contém uma varanda e ainda um tecto panorâmico e são dotadas de todo o conforto para uma estada tranquila e relaxante.

Região de Lisboa

Dar a conhecer a fauna e flora do Parque Marinho Prof. Luíz Saldanha, na Arrábida, uma das áreas de biodiversidade subaquáticas mais ricas do mundo. Através da criação do Centro de Interpretação, um espaço museológico criado na desaparecida Casa Aiola, porto de partida e chegada de barcos 100% elétricos e ecológicos, que permitirá a descoberta deste magnifico destino de turismo de natureza.

Alentejo e Ribatejo

Num lugar rodeado por rios, ribeiras, poços e águas milagrosas, em Pernes no concelho de Santarém, um ecossistema em risco de desequilíbrio luta para manter o que resta da vegetação mediterrânica original. As abelhas permitem manter as espécies silvestres, os abelharucos inundam os céus com as suas cores brilhantes, raposas, javalis, fuinha, texugos, águias-calçadas, búteos e muitos mais, valorizam o local com a sua permanência. A sua fragilidade pede uma rota natural, onde o homem possa contemplar num local com cerca de 5 km, acessível a todos, a natureza em todo o seu esplendor.

Algarve

A ideia consiste na criação do livro de vouchers, com um custo de aquisição de 2€ à venda em receções, postos de turismo, agências de viagens com o objetivo de proporcionar uma experiência de 20 minutos a um preço fixo de 10€ (exemplo) dinamizadas pelas empresas de animação turística associações locais em contacto com os recursos naturais e culturais da região algarvia. O turista compra o livro, agenda, experimenta e carimba o voucher para mais tarde recordar. Desenvolvido entre outubro e maio para combater a sazonalidade

Açores

A ideia centra-se na criação de uma rota no interior da Ilha Terceira, que visa o desenvolvimento sustentável e proteção de certas regiões de natureza e floresta através da prática de desporto, neste caso o BTT. Esta rota possui cerca de 35 quilómetros e é uma forma de valorização dos recursos turísticos naturais de sítios menos visitados, através de uma mobilidade sustentável, geradora de fluxos turísticos que podem existir durante todo o ano, combatendo a sazonalidade.

Madeira

O Banana Glamping – construído à base do desperdício das plantações de banana – foi o projeto vencedor. A projeto visa a criação de um espaço ideal para relaxar, enquanto degusta e participa em toda a dinâmica em volta das bananeiras, incitando à consciência sustentável e social, preservando recursos e tradições locais, dando protagonismo às comunidades residentes. A viagem terá um compromisso com a sociedade e com o meio ambiente, com uma boa dose de adrenalina.

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img