Quarta-feira, Julho 17, 2024
Quarta-feira, Julho 17, 2024

SIGA-NOS:

Hilton e Taj: Saiba quais são as marcas hoteleiras mais valiosas e fortes do mundo

-PUB-spot_img

A Hilton, com um valor de marca de 11,6 mil milhões de dólares, manteve o seu título de marca hoteleira mais valiosa do mundo pelo nono ano consecutivo, de acordo com os novos dados da Brand Finance. Em paralelo, a Hyatt, com um valor de marca de 6 mil milhões de dólares, garantiu novamente o segundo o lugar.

Na classificação, oito das dez principais marcas diminuíram o valor da marca. Pelo nono ano consecutivo, com um valor de marca de 11,6 mil milhões de dólares, a Hilton mantém o título de marca mais valiosa, seguida da Hyatt (6 mil milhões de dólares) e da Hampton by Hilton (4,2 mil milhões de dólares). O top 5 é completado pela Marriott (3,1 mil milhões de dólares) e Holiday Inn (2,9 mil milhões de dólares).

No top 10 das marcas hoteleiras mais valiosas, apenas uma não é americana: a Shangri-La Hotels & Resorts da China, que ocupa o sétimo lugar, com um valor de 2 mil milhões de dólares.

Os dados da Brand Finance também revelam um aumento significativo nos valores de marca dos principais grupos hoteleiros de Espanha, impulsionando-as para uma posição mais elevada na classificação deste ano. O novo operador Occidental estreia-se no 42º lugar com um valor de marca de 318 milhões de USD, enquanto o Meliá junta-se ao 43º lugar com 312 milhões de USD, duplicando a presença de Espanha. A NH Hotels, marca hoteleira mais valiosa de Espanha, registou um aumento de 18% para 770 milhões de dólares. A Barceló, que ocupa a 21ª posição, registou um aumento de 12% para 683 milhões de dólares, destacando-se em métricas como a consideração, recomendação, reputação e lealdade, apesar de um ligeiro declínio na sua pontuação BSI.

“Muitas das principais marcas hoteleiras têm lutado para aumentar o valor da sua marca de forma tão robusta como nos anos anteriores a 2020. Apesar de um aumento na procura por viagens e hotéis, o crescimento não correspondeu às expectativas, resultando em ligeiros declínios ou um aumento mínimo do valor da marca para os principais grupos hoteleiros do mundo”, afirma Henry Farr, diretor associado da Brand Finance.

A Brand Finance também avaliou a força relativa das marcas hoteleiras, considerando o investimento em marketing, o envolvimento dos stakeholders e o desempenho empresarial. Nesse sentido, o Taj Hotels Resorts and Palaces, da Índia, subiu três posições no Índice de Força da Marca (BSI), tornando-se a marca hoteleira mais forte do mundo. Com uma pontuação melhorada no BSI de 92,3 em 100, o Taj obteve uma classificação AAA+, a classificação mais elevada atribuída pela Brand Finance.

De acordo com a consultora, a rede de hotéis teve um “desempenho excecional” em várias métricas de força da marca, incluindo familiaridade, consideração, recomendação e reputação.

Reveladas as 25 marcas de lazer e turismo mais fortes e valiosas do mundo

Pela primeira vez, a Brand Finance revelou as 25 marcas de lazer e turismo (L&T) mais fortes e valiosas do mundo, com um valor de marca agregado de 59,1 mil milhões de dólares. A Booking.com, a Airbnb e a Trip.com Group asseguram as três primeiras posições, registando cada uma delas um crescimento de dois dígitos no valor da marca. A Royal Caribbean, com um aumento de 58% para 4,1 mil milhões de dólares, subiu para o quarto lugar, tornando-se a segunda marca com crescimento mais rápido e a segunda mais forte do setor a nível mundial. A Tokyo Disneyland estreia-se em sexto lugar com um valor de marca de 2,7 mil milhões de dólares e surge como a marca L&T mais forte do mundo com uma classificação AAA+.

-PUB-spot_img

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img
-PUB-spot_img