Sexta-feira, Junho 14, 2024
Sexta-feira, Junho 14, 2024

SIGA-NOS:

MSC Cruzeiros revela protocolo de saúde e segurança para o Inverno 21/22

A MSC Cruzeiros divulgou os requisitos para viajar e o protocolo de saúde e segurança que estará em vigor nos seus navios no Inverno 21/22.

Para o programa de Inverno, a MSC Cruzeiros irá exigir que os passageiros forneçam a documentação relevante no embarque, de acordo com os requisitos de viagem, como resultado de teste negativo, comprovativo de vacinação e documentação do seguro COVID. Uma visão geral completa dos requisitos específicos para cada itinerário pode ser encontrada aqui.

Quando for necessária prova de vacinação, é aplicável a passageiros com 12 anos ou mais, com vacinação completa recebida mais de 14 dias antes do início do cruzeiro, com as seguintes vacinações aprovadas aceites pelas autoridades nas diferentes regiões. Os passageiros com idade entre 2 e 11 anos inclusive, têm de apresentar uma prova de um teste de RT-PCR negativo.

Muitos dos destinos onde os navios da MSC Cruzeiros farão escala, exigem que os passageiros tenham uma apólice de seguro COVID-19, como tal, a MSC Cruzeiros irá exigir isso como um requisito obrigatório para todos os passageiros. O seguro deve cobrir os riscos relacionados ao COVID-19, ou seja, cancelamento, interrupção, despesas de repatriação, quarentena, assistência médica e despesas relacionadas, bem como hospitalização e é importante que isso inclua cobertura no caso de ser um contacto próximo.

Os passageiros totalmente vacinados poderão desembarcar de forma independente e deverão seguir os requisitos de desembarque de acordo com os países que irão visitar. Os passageiros que não estão totalmente vacinados ou que têm filhos no seu grupo de viagem, deverão desembarcar com uma excursão em terra protegida pela MSC Cruzeiros.

Para permitir um retorno seguro a casa no final do cruzeiro e em conformidade com vários regulamentos nacionais, é possível que os passageiros comprem e realizem um RT-PCR ou um teste de antígeno durante o cruzeiro, caso seja exigido para o retorno ao seu país natal. Este serviço é agendado e pago a bordo e é organizado através do Centro Médico.

Dado que a situação é dinâmica e sujeita a alterações nos diferentes países, a companhia sublinha a importância de verificar que os regulamentos de viagem no momento da reserva e no momento da viagem estão de acordo com o país de origem e destino do passageiro, bem como a companhia aérea.

Quais as medidas por região onde a MSC Cruzeiros vai operar?

Mediterrâneo

Tal como acontece com o programa de Verão, os passageiros vacinados e não totalmente vacinados de países Schengen[1], poderão reservar estes cruzeiros. Para embarcar, irão precisar de ter um antigénio negativo ou um teste de RT-PCR feito dentro de 48 horas da partida, ou estar totalmente vacinados ou ter recuperado do COVID-19 nos últimos 6 meses.

Os passageiros que não fazem parte do acordo Schengen, também poderão reservar esses cruzeiros e precisarão de ser totalmente vacinados, além de apresentar um teste RT-PCR negativo obtido até 72 horas da partida do cruzeiro.

Os passageiro apenas poderão ir a terra participando numa Excursão em Terra MSC e algumas excursões vão requerer um certificado COVID oficial (ou seja, o Certificado EU Digital COVID) para aceder a alguns locais turísticos tais como museus ou igrejas.

Norte da Europa

Todos os passageiros a partir dos 12 anos de idade terão de ser totalmente vacinados e os passageiros entre 2 e 11 anos, terão de apresentar prova de teste RT-PCR negativo realizado dentro de 72 horas da partida do cruzeiro.

Mar Vermelho / Arábia Saudita e Emirados Árabes Unidos

Todos os passageiros a partir dos 12 anos precisam de estar totalmente vacinados e apresentar prova de um teste RT-PCR negativo feito dentro de 72 horas da partida do cruzeiro. Os passageiros com idade entre 2 e 11 anos precisam de apresentar prova de um teste RT-PCR negativo feito dentro de 72 horas da partida do cruzeiro.

Para cruzeiros a bordo do MSC Bellissima no Mar Vermelho, é necessário um visto para entrada na Arábia Saudita e os passageiros que comprarem um pacote MSC Cruzeiro&Voo terão um visto para a Arábia Saudita no valor de € 30 por pessoa incluído no custo total.

Os passageiros precisam de fazer o registo do seu estado de vacinação com as autoridades da Arábia Saudita antes de chegar ao país. Mais informações podem ser encontradas AQUI.

Caraíbas – Cruzeiros de Miami e Port Canaveral

Todos os passageiros a partir de 12 anos precisam de ser totalmente vacinados. Para residentes dos EUA, precisarão de disponibilizar uma prova de teste antigénio negativo ou de RT-PCR feito até 48 horas da partida do cruzeiro, enquanto os não residentes dos EUA precisarão de um teste de RT-PCR negativo feito dentro de 72 horas da partida do cruzeiro. Todos os passageiros com idade entre 2 e 11 anos deverão apresentar prova de negativo no teste RT-PCR feito dentro de 72 horas da partida do cruzeiro.

Caraíbas do Sul

Todos os passageiros a partir de 12 anos precisam de estar totalmente vacinados e disponibilizar prova de um teste RT-PCR negativo feito até 72 horas da partida do cruzeiro. Todos os passageiros com idade entre 2 e 11 anos deverão apresentar prova teste RT-PCR negativo feito até 72 horas antes da partida do cruzeiro.

Grand Voyages

Todos os passageiros a partir dos 12 anos precisam de ser totalmente vacinados e apresentar prova de um teste RT-PCR feito dentro de 72 horas da partida do cruzeiro e os passageiros com idade entre 2 e 11 anos deverão fornecer prova de um teste RT-PCR negativo realizado dentro de 72 horas da partida do cruzeiro.

A companhia informa que as medidas e requisitos para cruzeiros na América do Sul e África do Sul serão confirmados em breve.

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img
-PUB-spot_img