Domingo, Maio 26, 2024
Domingo, Maio 26, 2024

SIGA-NOS:

Sri Lanka. O destino de visita obrigatória, “especialmente para os portugueses”

Yoga Kathamuthu é managing director e CEO da Unique Paradise Travels, um operador turístico e recetivo fundado em 2016 no Sri Lanka. Além de trabalhar toda a oferta do país, a empresa foca-se também em oferecer pacotes de viagens com extensão às Maldivas e à Índia. Com mais de 32 anos de experiências em viagens, Yoga Kathamuthu está habituado a trabalhar com a maioria dos mercados europeus, em especial o italiano. Agora, a empresa que dirige quer conquistar também o mercado português.

Tudo começou com a sugestão de Sónia Guimaro que insistiu com Yoga para que “adicionasse Portugal à lista de países com os quais trabalha”. A empresa fez uma parceria exclusiva com a DIT Portugal e Sónia Guimaro tornou-se a representante da empresa no nosso país. A parceria vai dar os seus primeiros frutos em maio, altura em que um grupo de agências da DIT Portugal fará uma viagem às Maldivas e ao Sri Lanka, no âmbito da iniciativa “Formatrip”, que visa tornar os agentes de viagens especialistas em vários destinos. A iniciativa terá ainda o apoio da Turkish Airlines e da IMTM Travel.

2023 pode ser a oportunidade para os portugueses conhecerem o destino, já que este encontra-se “completamente aberto”. “Uma vez que o turismo é um dos principais geradores de receita, o governo e o setor privado deram a maior prioridade para facilitar a vinda todos os turistas”, afirma Yoga ao TNews. Com o crescimento “muito rápido do turismo recetivo”, toda a indústria “está a preparar-se para recebê-los”, garante. “Os cingaleses são provavelmente a nação mais amigável e hospitaleira do mundo. Assim, quando os turistas chegam, toda a ilha os recebe calorosamente. Onde quer que os turistas vão, estarão cercado por rostos sorridentes”, afirma.

Yoga Kathamuthu recorda que o Sri Lanka tem uma ligação histórica com Portugal, uma vez que foi uma colónia durante mais de 150 anos, tendo sido “nomeado Ceilão Português”. “Os portugueses apelidaram o Sri Lanka de “ilha paradisíaca”. Há muita influência cultural, religiosa e social que ainda pode ser vista nos dias de hoje”, garante. “Na Unique Paradise Travels, estamos muito empenhados em garantir que o mercado português receba o seu devido lugar no Sri Lanka e sinto que o Sri Lanka precisa de ser totalmente exposto aos portugueses. Especialmente a sua cultura, etnia diversificada, história, região montanhosa, praias, vida selvagem, etc”, defende.

O responsável acredita que, sendo a DIT uma empresa com “mais de 1600 agências de viagens associadas” (entre Portugal e Espanha), esta parceria é “a porta de entrada para estabelecer um bom relacionamento com os agentes em Portugal”.

Sobre as razões porque devem os agentes de viagens incluir o Sri Lanka na sua oferta, Yoga não tem dúvidas que este é destino de visita obrigatória, especialmente para os portugueses: “O Sri Lanka é um Paraíso na Terra, como lhe chamavam os ancestrais portugueses. Oferece tudo o que um turista procura numa pequena ilha. A vida selvagem, a cultura, as praias, as culinárias e, acima de tudo, as pessoas mais amigáveis e hospitaleiras do mundo. Para casais, famílias, grupos, MICE, Sri Lanka tem muito a oferecer. Ninguém jamais se sentirá entediado ou desapontado por visitar o Sri Lanka devido ao seu fascínio e, acima de tudo, à hospitalidade”.

Em termos de alojamento, questionámos Yoga Kathamuthu sobre que tipo de oferta encontrarão os clientes no Sri Lanka. “Além de hotéis de várias estrelas, o Sri Lanka possui cadeias internacionais como Marriot, Hilton, Shangrilla, Anantara, Movenpick, Rui e muitos mais. Além disso, o Sri Lanka possui algumas marcas locais de classe mundial que atendem às autênticas experiências, arquitetura e cultura do Sri Lanka. O Sri Lanka tem acomodações com um estilo de vida fabuloso, vilas luxuosas, hotéis boutique, acampamentos Safari luxuosos e muito mais”.

Sobre os programas mais vendidos e o que recomendaria às agências portuguesas para venderem aos seus clientes, Yoga aposta nos itinerários compostos por programas de 7, 10 ou 14 dias, com extensão de praia, “para incluir locais culturais, ruínas históricas, plantações de chá, região montanhosa, vida selvagem, etc.”

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img
-PUB-spot_img