Segunda-feira, Fevereiro 6, 2023
Segunda-feira, Fevereiro 6, 2023

SIGA-NOS:

Turismo Centro de Portugal promove discussão sobre importância do Caminho de Santiago para a região

A Turismo Centro de Portugal organiza, nos próximos dias 19 e 20 de dezembro, dois colóquios centrados na importância do produto turístico Caminhos de Santiago no Centro de Portugal.

Os colóquios terão lugar na Mealhada e na Covilhã e propõem uma reflexão sobre a Estruturação, o Conhecimento, a Experienciação e a Dinamização dos vários traçados do Caminho Português de Santiago, com ênfase na importância deste produto turístico para as economias locais.

A primeira ação, no dia 19, terá lugar no Cineteatro Messias, na Mealhada, município que se encontra no percurso do Caminho Português Central. No dia seguinte, o palco será o auditório da Assembleia Municipal da Covilhã, cidade onde passa o Caminho Português Nascente.

As inscrições são gratuitas e obrigatórias, nas seguintes ligações: Colóquio na Mealhada, 19/12 e Colóquio na Covilhã, 20/12.

Os trabalhos decorrerão no período da manhã, entre as 10h e as 13h. À tarde, das 15h às 16h30, haverá uma parte prática, com uma pequena caminhada num troço do Caminho Português de Santiago, pelo que o Turismo Centro de Portugal aconselha que os participantes vão equipados para o efeito.

A iniciativa é dirigida à comunidade e às entidades públicas e privadas locais e regionais. Contará com oradores e participantes das áreas da cultura, da espiritualidade, do turismo e do património, que vão dialogar sobre estas temáticas e as suas perspetivas de desenvolvimento futuro na região Centro de Portugal.

Os colóquios acontecem no âmbito do projeto transfronteiriço “Caminos – Caminhos Jacobeus do Oeste Peninsular” (POCTEP Interreg) e contam com o apoio dos municípios da Mealhada e da Covilhã.

Caminho Português tem cada vez mais procura

O Caminho de Santiago tem vindo a ser alvo de um grande interesse por parte dos visitantes, com um número crescente de peregrinos a chegar a Santiago de Compostela. “De acordo com os dados da Oficina do Peregrino, tem sido notório o aumento de peregrinos no Caminho Português, com repercussão na economia local, nomeadamente nos setores do alojamento e da restauração”, indica o Turismo Centro de Portugal.

O projeto transfronteiriço Caminos – Rede Transfronteiriça de Caminhos Jacobeus do Oeste Peninsular engloba 10 parceiros espanhóis e três parceiros portugueses e tem como principal missão a divulgação dos diversos traçados do Caminho de Santiago, bem como o fomento dos seus valores naturais e culturais e do seu potencial turístico.

O projeto, segundo o Turismo Centro de Portugal, procura também proporcionar um maior contacto entre os agentes territoriais, de modo a criar sinergias com todos os agentes sociais e económicos ligados ao Caminho, melhorar os equipamentos, a sinalização e a aplicação das TIC aos traçados, para os dotar das infraestruturas necessárias, incrementando assim a oferta cultural de carácter transfronteiriço.

Pretende, ainda, criar condições para o aumento do número de viajantes e peregrinos nos diferentes caminhos jacobeus do oeste peninsular, propiciando o desenvolvimento económico de ambos os territórios através dos recursos associados ao turismo, aumentando a competitividade da zona, com o aumento do emprego no setor turístico e a melhoria da qualidade dos serviços e produtos turísticos transfronteiriços.

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img