Segunda-feira, Agosto 8, 2022
Segunda-feira, Agosto 8, 2022

SIGA-NOS:

World2Fly estreia operação de Lisboa para Punta Cana com 100% de ocupação

A World2fly, a nova companhia aérea lançada pela World2Meet (W2M), a divisão de viagens do Grupo Iberostar, fez o seu o voo inaugural esta segunda-feira, dia 19 de julho, de Lisboa com destino a Punta Cana, num A330-300, com os 388 lugares completamente ocupados, como confirmou ao TNews, Duarte Correia, responsável pela W2M em Portugal.

Através do seu novo operador Newblue, estão programadas saídas de Lisboa todas as segundas-feiras para Punta Cana. Este ano, a operação será realizada num A330 da companhia aérea do grupo, aeronave que será substituída ao longo de 2022 por um A350-900.

“Julgo que o nosso produto foi bem aceite pelo mercado, havia espaço para entrarmos, estamos a oferecer um pacote diferente aos clientes, bastante atrativo e com preço/qualidade bastante competitivo. No pacote, as vantagens são bastante competitivas e fez com que os agentes de viagens e o cliente final optasse mais pelo nosso produto do que pelo produto da concorrência”, refere Duarte Correia.

De acordo com o responsável, as duas primeiras saídas para Punta Cana estão esgotadas. Apesar de ainda existirem lugares para as partidas de agosto, Duarte Correia está confiante: “Ainda há lugares para Punta Cana nas saídas de agosto. Deixámos a distribuição vender o nosso produto, pouco ou nada fizemos para promover nos meios de comunicação e conseguimos encher os primeiros voos. Estou confiante no mês de agosto, apesar da tendência do mercado ser reservas de última hora. Além disso, temos no mercado produtos como Porto Santo e Cabo Verde, de curto e médio distância, são produtos que em termos de preço e distância são competitivos com o nosso. Acredito, no entanto, que venhamos a ter boas ocupações para agosto. Nota-se que, num espaço de uma semana, as pessoas estão a reservar na terça para viajar na segunda-feira seguinte”, refere.

Quanto à operação para Cancun, no México, Duarte Correia explica que as saídas em julho serão efetuadas via Madrid e, em agosto, as partidas serão efetuadas nos voos “da concorrência” a partir de Lisboa. “A TAP fez um forcing muito grande para que não nos dessem licença para voar para Cancun. No mês de julho, os nossos passageiros vão via Madrid e têm a possibilidade de ter a experiência de voar no novo A350 que vamos ter no próximo ano em Portugal”, refere.

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img