Quinta-feira, Julho 18, 2024
Quinta-feira, Julho 18, 2024

SIGA-NOS:

Barómetro Europeu: Hoteleiros otimistas em relação ao outono, apesar dos desafios económicos

-PUB-spot_img

Os hoteleiros europeus estão a partilhar um sentimento de otimismo à medida que entram no outono de 2023, apesar das preocupações globais com o aumento da inflação e a crise do custo de vida. Os resultados do Barómetro de Alojamento Europeu para a estação de outono assinalam uma onda de otimismo em todo o continente. O verão de 2023 foi um triunfo inesperado para a indústria hoteleira, ultrapassando as expectativas e levando os hoteleiros a antecipar novos desenvolvimentos positivos nos próximos meses.

O verão de 2023 não só superou as expectativas, mas estabeleceu um novo padrão de sucesso. Antes do início da temporada de verão, 46% dos hoteleiros europeus inquiridos previam receitas recorde para o ano, e essas previsões tornaram-se realidade. De acordo com os dados do Eurostat, no primeiro semestre de 2023, os alojamentos turísticos na Europa ultrapassaram os números de dormidas anteriores à covid-19 em 2019.

Nas duas edições anteriores do Barómetro do Alojamento, sete em cada dez inquiridos consistentemente destacaram uma evolução positiva ou muito positiva na atividade. Embora o ano ainda não tenha terminado, o setor europeu de viagens e turismo está a caminhar na direção de superar as expectativas, criando uma onda contínua de otimismo.

Os alojamentos nórdicos lideraram o caminho, com oitenta por cento dos inquiridos a classificar a sua temporada de verão como boa ou muito boa. A evitação das ondas de calor escaldantes do verão pode ter contribuído para esse sucesso. Além disso, destinos no sul, como Portugal e Itália, estão logo atrás, com 76% dos inquiridos relatando um desempenho sólido nos últimos seis meses.

Indicadores Económicos Positivos

Nos últimos seis meses, 62% dos alojamentos europeus aumentaram as tarifas dos quartos, um aumento sólido em relação ao período anterior. Os níveis de ocupação continuam a subir, com 68% a registar um aumento, confirmando que os resultados da pesquisa refletem uma melhoria real na ocupação. Esses indicadores económicos positivos estão a incutir confiança nos hoteleiros, com 72% a caracterizarem o desempenho passado como bom ou muito bom e 68% a considerarem a sua situação económica atual favorável. Apenas 4% observaram desenvolvimentos adversos nos últimos seis meses, enquanto apenas 5% consideram a situação económica atual negativa.

Olhando para o futuro, a maioria dos hoteleiros (59%) espera um desenvolvimento positivo ou muito positivo nos próximos seis meses, marcando a primeira vez que esse número ultrapassa a marca de 50%. Com o inverno de 2023/2024 a aproximar-se, o ano já superou as expectativas.

Os hoteleiros na Alemanha, Áustria e Países Baixos estão em desacordo com a tendência geral da UE. Enquanto o resto da Europa registou melhorias nas três vagas, estes países não registaram a mesma subida contínua. A Áustria e os Países Baixos continuam a avaliar positivamente o desempenho passado e atual, mas a economia alemã deverá contrair-se em 0,4% em 2023, refletindo um sentimento sombrio entre os hoteleiros locais.

Cadeias hoteleiras dominam enquanto o apetite pelo investimento estabiliza

O Barómetro Europeu do Alojamento realça a notável predominância das cadeias hoteleiras sobre os estabelecimentos independentes em vários indicadores económicos. As empresas independentes também estão a obter bons resultados, mas as cadeias lideram em áreas como o acesso a financiamento, a taxa de ocupação e o aumento das tarifas dos quartos, sugerindo que o tamanho e a escala conferem benefícios económicos. No geral, 66% dos alojamentos independentes avaliam a sua situação económica atual como boa ou muito boa, em comparação com 75% das cadeias hoteleiras. O interesse em investimento entre os alojamentos está a começar a estabilizar, com uma proporção maior de cadeias dispostas a investir mais nos próximos seis meses, indicando que os hoteleiros encontraram o seu “ponto ideal” de investimento após as rápidas mudanças pós-pandemia.

Embora a tendência geral na Europa seja de crescimento, os países individuais enfrentam desafios únicos. O aumento dos custos, especialmente de energia e salários dos colaboradores, tem sido um desafio para hoteleiros na Alemanha, França, Países Baixos e países nórdicos. Isso é exacerbado pelos salários mínimos mais elevados e pelo custo de vida na Europa Central e do Norte. Na Grécia e outros destinos do sul, como Itália, Espanha e Portugal, as taxas de quartos e a ocupação estão em crescimento robusto. A média da UE para a taxa de ocupação atingiu 62% e 68%, respetivamente, mas estes quatro países do sul da Europa registam uma média de 73% para as taxas de quartos e 71% para a satisfação com o crescimento da ocupação.

Com a recuperação do setor de alojamento europeu para níveis pré-covid, a eterna prioridade dos hoteleiros de maximizar a ocupação está novamente em destaque, segundo o Barómetro. A listagem em plataformas digitais foi identificada como a ferramenta mais eficaz, com 51% dos hoteleiros a apoiar esta abordagem, seguida de perto pela oferta de descontos direcionados (49%) e pelo investimento em melhorias estéticas (43%). Estratégias tradicionais de venda de quartos a atacadistas e publicidade nos meios de comunicação tradicionais perderam relevância, demonstrando a crescente importância das plataformas digitais na atração de hóspedes.

Os alojamentos europeus estão a adaptar-se às mudanças nas preferências dos hóspedes, incluindo a procura por alimentos e bebidas veganos, de origem local e com embalagens sustentáveis. “Estas iniciativas estão a ajudar os hoteleiros a manter a sua competitividade, alinhando-se com as expectativas dos clientes”, sugere o Barómetro, indicando que a ênfase nas experiências dos hóspedes, através de escolhas de alimentos e bebidas sustentáveis e de origem local, tornou-se uma prioridade para a indústria hoteleira. Entretanto, o entusiasmo pela tecnologia de Inteligência Artificial parece estar a diminuir.

-PUB-spot_img

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img
-PUB-spot_img