Quinta-feira, Maio 23, 2024
Quinta-feira, Maio 23, 2024

SIGA-NOS:

Companhias aéreas low-cost registam os maiores aumentos de preços para o verão

As tarifas das companhias aéreas low-cost estão em ascensão para a temporada de verão, de acordo com uma análise da Mabrian realizada em Espanha. Este estudo revela um aumento significativo nos preços para os voos de junho a setembro. Embora as tarifas médias das companhias aéreas convencionais permaneçam mais elevadas, é nas companhias low-cost que se observa o maior incremento de preços, conforme apontado pela empresa.

Quanto é que os preços dos voos low cost vão subir este verão?

Entre 2021 e 2023, os preços das companhias aéreas tradicionais aumentaram 40%, em comparação com um aumento de apenas 6% nas tarifas das companhias low-cost, contribuindo para o aumento geral das tarifas. Contudo, esta tendência inverteu-se recentemente.

No Reino Unido, as tarifas low-cost aumentaram 42%, enquanto as tarifas das companhias aéreas tradicionais registaram um aumento de 11%.

Na Alemanha, a mesma tendência foi observada: os voos low-cost aumentaram 12%, enquanto as tarifas das companhias aéreas tradicionais diminuíram 0,4%.

Estes dados correspondem à variação homóloga dos preços publicados para voos entre 1 de junho e 15 de setembro de 2024, partindo dos cinco principais mercados emissores para Espanha em termos de capacidade aérea (Reino Unido, Alemanha, Itália, França, Países Baixos), e para os cinco destinos preferidos dos viajantes espanhóis (Portugal, Itália, França, Reino Unido, Alemanha).

Globalmente, as tarifas aéreas médias nos cinco mercados emissores analisados apresentam um aumento de 26% (média ponderada), enquanto nos voos para os destinos preferidos dos espanhóis o aumento é de 27%, conforme explica a Mabrian.

Porque é que os preços das viagens estão a aumentar este verão?

De acordo com Carlos Cendra Cruz, Diretor de Marketing da Mabrian, “os aumentos de preços a que estamos a assistir refletem, por um lado, o aumento dos custos operacionais das companhias aéreas e, por outro, a crescente procura de e para Espanha nesta época de verão”.

Cendra esclarece que “ainda há margem para ajustar estas tarifas nestas rotas tradicionalmente de verão, uma vez que estamos perante preços dinâmicos que irão variar ao longo das próximas semanas, respondendo ao comportamento da procura”.

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img
-PUB-spot_img