Quinta-feira, Junho 13, 2024
Quinta-feira, Junho 13, 2024

SIGA-NOS:

easyJet lança plano para emissões zero até 2050 e Rolls-Royce prepara testes para primeiros motores a hidrogénio

A easyJet lançou esta segunda-feira, dia 26, um detalhado plano que servirá de guia para atingir emissões líquidas de carbono zero até 2050, dando continuidade ao compromisso da transportadora com a Race to Zero, apoiada pela ONU, no ano passado.

Este é o plano mais ambicioso da companhia aérea até à data e está apoiado no desenvolvimento de novas tecnologias. O plano estabelece que através da adoção da tecnologia de emissão de carbono zero, uma vez disponível, a companhia aérea será capaz de reduzir 78% das suas emissões de carbono por passageiro, por quilómetro, até 2050 (vs 2019), com as emissões residuais tratadas por tecnologia de remoção de carbono. A easyJet tem como ambição final alcançar a emissão de carbono zero em todos os voos da sua frota.

O percurso em direção à tecnologia de emissões de carbono zero já começou, uma vez que o parceiro Rolls-Royce se encontra nos preparativos finais para os primeiros ensaios em terra de um motor movido a hidrogénio. Isto faz parte da parceria recentemente anunciada entre a easyJet e a Rolls-Royce para desenvolver tecnologia de motores de combustão de hidrogénio capaz de alimentar aeronaves da easyJet, de fuselagem estreita, entre outros.

Paralelamente à transição para a tecnologia de emissões de carbono zero, o plano apresenta uma combinação de renovação da frota, eficiências operacionais, modernização do espaço aéreo, tecnologia de combustível para a aviação sustentável e de remoção de carbono. Há muitos anos que a easyJet se tem concentrado na redução das suas emissões de carbono, e desde 2000, ao longo de um período de vinte anos, já reduziu em um terço as suas emissões de carbono por passageiro, por quilómetro.

A companhia aérea anunciou um investimento de vários milhões de euros na mais recente tecnologia aeronáutica para toda a sua frota. Isto permitirá à easyJet alcançar reduções substanciais e permanentes das emissões de carbono a curto prazo através da otimização das descidas das aeronaves. A easyJet também confirmou que contratou todo o combustível de aviação sustentável necessário, tal como está presente no seu plano ao longo dos próximos cinco anos, com o fornecedor Q8.

Johan Lundgren, CEO da easyJet, salienta: “Está no ADN da easyJet desafiar o status quo – desde tornar os voos acessíveis para todos há mais de 25 anos, a liderar a descarbonização do setor. Hoje, somos a primeira companhia aérea a delinear um plano ambicioso em que a tecnologia de emissão de carbono zero desempenha um papel fundamental para nos levar a emissões líquidas zero até 2050 e, por fim, a emissões zero de carbono em todos os voos da nossa frota. Estou bastante entusiasmado por esta ambição estar a aproximar-se cada vez mais, nomeadamente hoje, uma vez que o nosso parceiro Rolls-Royce está a fazer os preparativos finais para o início dos primeiros testes de solo de motores a hidrogénio.

A descarbonização da aviação é um tema que está a unir todo o setor, mas também exigimos o apoio dos governos do Reino Unido e da União Europeia para nos ajudar a alcançar o Net-Zero e a delinearmos claramente as ações necessárias. Agora que temos o nosso plano, podemos assegurar que estamos concentrados nas coisas que nos levarão ao Net-zero nos próximos anos, ajudando a assegurar um futuro sustentável para a aviação em benefício da próxima geração e do nosso planeta”.

O plano baseia-se nos conhecimentos e perspetivas tecnológicas atuais, mas, ao longo do tempo, os elementos podem necessitar de ser ajustados e reorganizados. O objetivo intercalar anteriormente anunciado pela companhia aérea, que comporta uma redução de 35% na intensidade de emissões de carbono até 2035, foi validado pela iniciativa Science-Based Targets (SBTi)[1], o que está a tornar a easyJet na primeira companhia aérea de baixo custo a nível mundial a anunciar que o seu objetivo intercalar de redução de carbono foi validado pela SBTi.

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img
-PUB-spot_img