Sexta-feira, Junho 14, 2024
Sexta-feira, Junho 14, 2024

SIGA-NOS:

GuestCentric divulga previsões para os hoteleiros no inverno, para “ajudar a planear e orçamentar para 2023”

A GuestCentric prevê resultados positivos para os hotéis no fim de 2022 e início de 2023, mas a empresa de soluções de e-commerce hoteleiro salienta que existem sempre fatores, como a inflação, que poderão alterar a situação, razão pela qual foram elaborados três potenciais cenários, para ajudar os hotéis “a planear e orçamentar para 2023”.

“Embora seja impossível uma previsão do futuro 100% exata, podemos e devemos trabalhar com cenários, baseados na informação de mercado disponível, que nos ajudarão a preparar o ano que vem”, refere a empresa. Na GuestCentric são analisados diariamente os dados no sistema, gerados pelos hotéis que são seus clientes.

Para ajudar a delinear a estratégia dos hotéis para o inverno 2022/23, a GuestCentric elaborou três cenários possíveis. O primeiro cenário é que o inverno seja igual a 2019. Sem dúvida, o cenário mais realista para os hotéis no atual mercado e os sinais apontam fortemente neste sentido, de acordo com a GuestCentric. No entanto, é também o cenário que suscita mais questões ao considerar os crescentes custos de energia, inflação, a guerra na Ucrânia, e outros fatores que afetam o orçamento disponível do consumidor.

No entanto, de acordo com os dados de mercado da GuestCentric no início de setembro de 2022, o outono está com boas perspetivas para os hoteleiros em termos de receita ‘on-the-books’. “Setembro esteve muito positivo, outubro está a acelerar, e novembro e dezembro estão ao nível de 2019”, divulga a empresa.

A GuestCentric diz que também é necessário considerar todas as viagens que foram adiadas este verão, devido às fortes perturbações que se verificaram nos aeroportos a nível mundial, e que se poderão concretizar nos próximos meses.

Uma elevada procura no inverno, com preços mais baixos, é o segundo cenário possível. Considerando os fatores acima referidos, este cenário é o mais provável, segundo a GuestCentric. Antes da pandemia, os consumidores de muitos mercados emissores marcavam duas a três viagens por ano. “Com o aumento dos custos e da inflação e a perspetiva de uma recessão será que esta tendência continuará?” Questiona a empresa de e-commerce.

Segundo Gavin Eccles, não é provável que os preços se mantenham tão elevados como estão agora e as companhias aéreas poderão ter que repensar a sua política de preços para conseguir reter os clientes e a procura: “As companhias aéreas – e imagino que os hotéis e as agências de viagens também – terão que reavaliar as suas estratégias de ‘revenue management’ este ano. Poderemos, portanto, assistir a uma política de descontos para estimular a procura”, mencionou. Esta tendência de baixa de preços já se verifica nos EUA e segundo a GuestCentric deverá generalizar-se na Europa e no Médio Oriente.

“A procura está lá e os consumidores ainda demonstram apetência por viajar. No entanto, os custos poderão revelar-se decisivos no inverno, embora nos hotéis que usam os sistemas GuestCentric não se verifiquem descidas de preços para um eventual estímulo da procura. Antes pelo contrário – no Hotelier PULSE Report de setembro 2022 da GuestCentric, a maioria dos hoteleiros prevê que o preço médio continue a subir, ao longo dos próximos 12 meses. Esta perspetiva, porém, poderá sofrer alterações, em função da evolução do mercado e do comportamento dos consumidores”, sublinha a empresa.

O terceiro e pior cenário possível seriam disrupções no mercado este inverno, gerando uma quebra na procura, resultante de uma forte disrupção no mercado – como um novo confinamento devido à covid-19, ou um aumento contínuo dos preços de energia. A GuestCentric refere que, conforme se verifica acima, no primeiro gráfico, qualquer grande disrupção desta natureza poderia resultar numa queda abrupta da procura, para níveis de 2018. “Seria, porém, um cenário relativamente positivo para a hotelaria, tendo sido o ano 2018 um ano bom para a indústria”, conclui.

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img
-PUB-spot_img