Segunda-feira, Dezembro 11, 2023
Segunda-feira, Dezembro 11, 2023

SIGA-NOS:

Hotusa reúne autarcas de Lisboa e Madrid para debater papel das cidades no processo de transformação social

O Grupo Hotusa realizou, no passado dia 5 de maio, uma nova edição do seu ciclo de debates “A Indústria da Felicidade”, com a participação do presidente da Câmara Municipal de Madrid, José Luis Martínez- Almeida, e do presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Carlos Moedas.

O encontro, que decorreu nas instalações do Eurostars Madrid Tower, abordou “a grande responsabilidade que as cidades têm no desenvolvimento económico dos países e os desafios que as grandes metrópoles enfrentam”.

Capitais como Madrid e Lisboa trabalham para lidar com “os riscos que lhes são apresentados como cidades da moda que atraem cada vez mais turismo”. O reconhecimento foi feito pelo autarca da capital espanhola, José Luis Martínez-Almeida, escreve a Hosteltur. Tanto o autarca espanhol como Carlos Moedas destacaram a importância de manter a identidade da cidade, mas também a coesão social, e de atrair e reter talentos, o que, nas palavras José Luis Martínez-Almeida, “no final será o que fará a diferença”.

Ambos os porta-vozes concordaram com a necessidade de atrair e reter o talento das empresas e dos jovens para a criação de novos postos de trabalho e crescimento das cidades. Sobre o modelo de desenvolvimento urbano, Moedas destacou a necessidade de colaboração entre autarquias e governo central.

Com o objetivo de reter este talento, Martínez-Almeida afirmou que é muito importante que as cidades tenham a capacidade de “fazer você feliz” garantindo transporte público, conectividade e segurança e defendeu que “o espírito das cidades é ter os serviços necessários a 15 minutos para se sentir parte dela”. Moedas manteve-se na mesma linha e, além disso, indicou que as autarquias “são os tradutores da macropolítica e os representantes das necessidades que essas cidades têm”.

Finalmente, o presidente da Câmara Municipal de Madrid defendeu que ser autarca de uma capital significa ter uma responsabilidade institucional muito importante e que, apesar de as instituições poderem ajudar, o fator diferencial que permitiu o crescimento da cidade de Madrid foi graças à sociedade madrilena, que tem atuado como motor de transformação. Por sua vez, Moedas destacou o papel Lisboa exerce a nível nacional, já que 36% do PIB vem da economia gerada pela capital. O toque final do debate foi dado por Moedas, que afirmou que tanto Lisboa quanto Madrid são cidades historicamente muito abertas, facto que as tornou as atuais capitais e impulsionou seu crescimento

O próximo encontro está agendado para 2 de junho e contará com a presença do presidente da Associação das Companhias Aéreas (ALA), Javier Gándara, e do fundador e CEO da Volotea, Carlos Muñoz.

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img
-PUB-spot_img