Sábado, Abril 13, 2024
Sábado, Abril 13, 2024

SIGA-NOS:

Lufthansa lidera top 10 das companhias aéreas europeias mais mencionadas nas redes sociais. TAP está em 10º lugar

A Lufthansa encabeça a lista de companhias aéreas mais mencionadas nas redes sociais. A companhia aérea ocupa uma “share of voice” de 23% entre as 10 companhias aéreas europeias mais citadas, durante os últimos 12 meses (16 de maio de 2022 a 15 de maio de 2023), revela a Social Media Analytics Platform da GlobalData, empresa líder em dados e análises.

As restantes companhias aéreas europeias mencionadas durante os últimos 12 meses foram Ryanair, British Airways, Air France, easyJet, Virgin Atlantic Airways, Turkish Airlines, Finnair, KLM e TAP Air Portugal.

“A Lufthansa dominou as discussões nas redes sociais sobre as companhias aéreas europeias e teve um crescimento de 55% em relação ao ano anterior, o maior ganho nas discussões, quando comparada às outras nove companhias aéreas citadas”, revela o estudo.

Shreyasee Majumder, analista de redes sociais da GlobalData, comenta: “Uma queda acentuada nos sentimentos dos influenciadores foi observada em relação à Lufthansa em fevereiro de 2023, depois que as operações comerciais no aeroporto de Frankfurt foram interrompidas abruptamente naquele mês devido a uma falha tecnológica que afetou toda a rede mundial que opera dentro do Grupo Lufthansa, o que deixou muitos passageiros indefesos.”

A segunda companhia aérea mais mencionada, com 17% de “share of voice”, foi a Ryanair Holdings Plc. As conversas sobre a empresa foram impulsionadas principalmente por seu recente anúncio de compra até 300 aeronaves 737 Max da Boeing.

Majumder acrescenta: “Os influenciadores expressaram opiniões favoráveis ​​sobre a decisão de compra da Ryanair, já que o acordo de mil milhões de dólares permitirá à empresa expandir as suas operações”.

A British Airways ficou em terceiro lugar, com 16% de “share of voice” durante o período de 12 meses. O maior pico de conversas da empresa foi observado no mês de junho de 2022, depois dos seus funcionários no aeroporto de Heathrow, em Londres,terem decidido por unanimidade entrar em greve contra uma divergência salarial, causando interferência no aeroporto durante o horário de pico do verão.

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img
-PUB-spot_img