Terça-feira, Maio 21, 2024
Terça-feira, Maio 21, 2024

SIGA-NOS:

Navios de cruzeiro já embarcam 7% mais passageiros do que antes da pandemia, revela CLIA

O setor de cruzeiros registou, em 2023, um aumento de 7% no número de passageiros face a 2019, tendo alcançado um total de 31,7 milhões de viajantes no ano passado, revelou o relatório “Cruise Industry Outlook 2024”, realizado pela CLIA – Associação Internacional de Companhias de Cruzeiros. Em paralelo, o relatório mostra que 82% dos passageiros de cruzeiros planeia repetir a experiência.

“Os cruzeiros continuam a ser um dos setores de turismo mais resilientes e de crescimento mais rápido, recuperando mais rapidamente do que as chegadas de turistas internacionais e dando um forte contributo para as economias locais e nacionais”, disse Kelly Craighead, presidente e CEO da CLIA.

Segundo os dados revelados para 2023, o impacto económico será ainda maior, com um aumento de 50% do volume de passageiros em relação a 2022. Além disso, olhando para 2028, a associação estima que a capacidade marítima aumentará 10% face a 2024.

Como revela o relatório, o número de passageiros está a aumentar: “Nos últimos dois anos, 27% dos turistas foram cruzeiristas pela primeira vez, um aumento de 12% face a 2023”. Além disso, “mais de 30% das famílias que viajam num cruzeiro são constituídas por membros de pelo menos duas gerações e 28% dos viajantes viajam com acompanhantes de três a cinco gerações diferentes”, salientou.

Entre as tendências observadas, destacou-se um aumento de 71% no número de passageiros entre 2019 e 2023. As excursões também registaram um crescimento de 45% nas reservas.

Conclusões do relatório e perspetivas para 2024

De acordo com o relatório, para 2024, estima-se que 35,7 milhões de pessoas desfrutarão de um cruzeiro. Já a intenção de embarcar num cruzeiro é 6% mais que em 2019. “Destes 6%, os Millennials são os mais entusiastas”. Prevê-se, ainda, que a capacidade global cresça de 677 000 ancoradouros duplos para 745 000 até 2028.

Todos os anos, a indústria está a tornar-se mais eficiente: as companhias de cruzeiro estão a investir no desenvolvimento de novas tecnologias de propulsão (que podem ser adaptadas no futuro) e a utilizar uma vasta gama de inovações para promover a sustentabilidade.

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img
-PUB-spot_img