Sexta-feira, Junho 14, 2024
Sexta-feira, Junho 14, 2024

SIGA-NOS:

Os agentes de viagens cobrarão taxas? A Geração Z vai reservar através de agências? Eis o que pensa a indústria de cruzeiros sobre isto

Os executivos de vendas das maiores empresas de cruzeiros do mundo prevêem que os agentes de viagens comecem a cobrar um valor pelos orçamentos de viagens e que os viajantes da Geração Z em breve serão clientes entusiastas das agências.

Estas são conclusões de um painel organizado no âmbito do evento CruiseWorld, da revista Travel Weekly nos EUA, em que participaram seis executivos de vendas de companhias internacionais de cruzeiros, entre as quais a Celebrity, Holland America, MSC Cruzeiros, Royal Caribbean, Princess e Carnival.

Quando questionada sobre o futuro do negócio das agências de viagens, a vice-presidente sénior de vendas da Celebrity Cruises, Katina Athanasiou, disse esperar que os consultores cobrassem taxas de forma muito semelhante à dos consultores financeiros.

“Para mim, o futuro é ter um consultor certificado que cobra uma taxa adequada pelos seus serviços, pela sua experiência… como pagamos por consultores financeiros [e] consultores de seguros numa indústria profissional que fornece a sua orientação e experiência”, disse.

Carmen Roig, vice-presidente de vendas da Princess Cruises, acrescentou que as habilidades dos agentes de viagens provaram ser valiosos para o público durante a pandemia. Na época, os consultores estavam atentos aos protocolos da Covid em vários navios e nas restrições de viagens em todo o mundo.

“O agente merece ser pago pela experiência que possui”, disse ela. “Agora, mais do que nunca, vemos que os nossos hóspedes querem ser clientes dos agentes.”

A Geração Z usará agentes de viagens?
Koreen McNutt, vice-presidente sénior de vendas da MSC Cruzeiros, fez uma previsão diferente: ela sugeriu que a Geração Z – pessoas atualmente entre 11 e 26 anos de idade – recorrerá a consultores de viagens em vez de fazer reservas on-line quando tiver idade suficiente para fazer a reserva de viagem.

Essa é uma mudança, na sua opinião, em relação a cerca de duas décadas, disse ela. Na época, ela pensava que as suas filhas nunca usariam um agente de viagens quando crescessem.

“Eu estava errada”, disse ela sobre suas filhas, que agora estão na casa dos 20 anos. “Acho que a Geração Z vai usar [conselheiros] mais do que nunca, e estou a descobrir que a maneira como eles os usam será melhor, estarão mais interessados, e realmente vão querer essa ajuda para que a sua viagem seja bem administrada e acho que eles pagariam por isso.”

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img
-PUB-spot_img