Quarta-feira, Julho 17, 2024
Quarta-feira, Julho 17, 2024

SIGA-NOS:

Portugal é um dos destinos preferidos este verão para viajantes de longa distância

-PUB-spot_img

Portugal está entre os destinos mais procurados para férias de verão em 2024, especialmente por viajantes de longo curso que priorizam qualidade e segurança, conforme aponta o Barómetro de Viagens de Longo Curso divulgado esta semana pela Comissão Europeia de Viagens (ETC) e a Eurail BV.

De acordo com o estudo, que entrevistou cerca de 7.000 viajantes de sete importantes mercados estrangeiros – Austrália, Brasil, Canadá, China, Japão, Coreia do Sul e EUA – os três principais destinos preferidos para o próximo verão são a França, com 36% das preferências, seguida por Itália com 31% e Alemanha com 22%. Outros destinos populares incluem o Reino Unido, Espanha, Grécia, Suíça, Áustria e Portugal, Dinamarca e Países Baixos, e ainda Bélgica, Finlândia, Irlanda e Suécia.

O relatório destaca que 59% dos entrevistados estão interessados em viagens ao exterior este verão, representando um aumento de 9% em relação a 2019. Os analistas da ETC observam que, apesar das crescentes preocupações com segurança e acessibilidade, a Europa continua a ser uma escolha popular, com 41% dos inquiridos a planear visitá-la este verão, uma ligeira queda de 4% em comparação com 2019.

Os viajantes da China (62%) e do Brasil (52%) são os mais ansiosos por visitar a Europa, seguidos pelos turistas dos EUA (40%) e do Canadá (42%), com a Austrália e a Coreia do Sul também apresentando um interesse significativo. Jovens viajantes, com idades entre 18-24 e 34-49 anos, e aqueles com rendimentos mais elevados, mostram maior preferência por viagens à Europa. A segurança é agora o principal critério para a escolha de destinos na Europa, com 45% dos inquiridos a priorizar destinos considerados seguros, um aumento de 9% em relação a 2022 e 6% em relação a 2023.

Além disso, 38% dos entrevistados consideram a infraestrutura turística de qualidade como um fator importante, enquanto 31% valorizam condições climáticas estáveis. A maioria dos viajantes de longo curso para a Europa, 67%, opta por itinerários multi-países, e 51% preferem companhias aéreas com serviço completo, enquanto 30% viajam de comboio. Há também um crescente interesse por experiências de viagem mais envolventes e por férias prolongadas, com viagens de uma a duas semanas sendo as mais populares. O interesse em viagens de duas semanas ou mais aumentou 8% desde 2019, chegando a 21% em 2024.

“As tendências positivas que estamos a registar no comportamento das viagens são vantajosas para os viajantes e para os destinos. Estamos a assistir a um interesse crescente em estadias mais longas, permitindo aos turistas desenvolver uma ligação mais profunda com a cultura local e apoiar as empresas que tornam cada destino único. Além disso, a abertura às viagens fora de época representa uma oportunidade de ouro para distribuir o turismo de forma mais homogénea ao longo do ano. Isto pode ajudar a reduzir a pressão social e ambiental dos períodos de ponta e apoiar melhor a economia dos visitantes dos destinos”, disse o presidente da ETC, Miguel Sanz.

-PUB-spot_img

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img
-PUB-spot_img