Sexta-feira, Junho 14, 2024
Sexta-feira, Junho 14, 2024

SIGA-NOS:

Setor do turismo na UE empregou mais mulheres do que homens em 2020

O setor do turismo na União Europeia empregou mais mulheres do que homens em 2020, segundo o último relatório do Eurostat, acerca do mercado de trabalho do turismo na UE, divulga o Schengen Visa Info.

Segundo os dados, do número total de pessoas empregadas no setor do turismo em 2020, 58% eram mulheres. No entanto, revelou-se que em todas as atividades económicas e não apenas no setor do turismo, o número de trabalhadoras empregadas ficou abaixo dos trabalhadores masculinos.

“Em 2020, o setor do turismo empregou mais mulheres do que homens (58 por cento de mulheres). Por outro lado, havia menos mulheres do que homens em todas as atividades económicas (46%)”, afirma o Eurostat.

Através do mesmo relatório, o Eurostat explicou que o setor do turismo também empregou uma percentagem mais elevada de trabalhadores com menor escolaridade. Em 2020, 18% dos trabalhadores com baixa escolaridade estavam empregados na área do turismo, enquanto que 17% dos trabalhadores estavam empregados em todas as outras atividades económicas.

O número de trabalhadores estrangeiros também foi maior no setor do turismo em comparação com os demais. De todas as pessoas empregadas no setor na União Europeia, 18% eram cidadãos de outros países.

Os jovens também têm destaque nesta indústria. Os dados mostram que, em 2020, 9% de todas as pessoas ocupadas no setor do turismo eram trabalhadores jovens. No entanto, os níveis pré-pandemia registados durante 2019 ainda são mais altos.

“A diminuição das ações de 2019 a 2020 foi provavelmente devido a limitações nos movimentos transfronteiriços para potenciais novos trabalhadores estrangeiros e uma transição mais difícil da escola para o mercado de trabalho, enquanto a atividade turística estava em grande parte suspensa”, explicou o Eurostat.

Além disso, o mercado de trabalho do turismo também foi caracterizado por altas percentagens de emprego a tempo parcial (23% em comparação com 19% dos trabalhadores empregados em todas as atividades económicas) e contratos temporários (18% em comparação com 14%).

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img
-PUB-spot_img