Sábado, Dezembro 10, 2022
Sábado, Dezembro 10, 2022

SIGA-NOS:

TUI quer retomar reservas para o Algarve depois do alívio de restrições da Alemanha

Com o alívio das restrições de viagens para Portugal, a TUI quer trazer novamente mais turistas ao país.

As viagens ao Algarve serão retomadas com novas reservas no final da semana, anunciou o CEO da TUI Alemanha, Marek Andryszak, citado pela imprensa alemã, enquanto que “os preparativos para a Madeira também estão a todo vapor.”

Portugal é um destino turístico popular para os alemães e a reavaliação irá garantir um relaxamento correspondente, disse Andryszak à Agência Alemã de Imprensa. “Em geral, os veranistas aguardam os últimos desenvolvimentos e cada vez mais reservam a curto prazo. Agora esperamos isso também para Portugal.”

Devido ao surto da variante Delta em Portugal, a TUI cancelou inicialmente as viagens existentes para Portugal até ao final de julho. No entanto, o governo alemão retirou Portugal da lista de países com interdição de entrada no país devido a alta prevalência da estirpe Delta do vírus covid-19. A partir desta quarta-feira, dia 7 de julho, Portugal passa para o segundo nível de risco, designado por “áreas de incidência elevada” da variante do covid-19. Isso significa que a entrada na Alemanha é possível para todos os grupos de pessoas e o requisito de quarentena não se aplica àqueles que foram totalmente vacinados ou que se recuperaram.

Turistas alemães mantêm planos de férias, apesar das preocupações da Delta

O desejo dos alemãs de viajar “é ininterrupto”, de acordo com a Associação Alemã de Viagens (DRV) e dos seus associados, escreve o jornal online alemão Zeit, que cita alguns operadores e agências de viagens. “Ainda estamos a assistir a uma procura muito alta, especialmente para viagens de curta duração durante as férias de verão de 2021”, disse Ralph Schiller, chefe da empresa de viagens FTI. O provedor DER Touristik também não regista “nenhum aumento de cancelamentos”. As reservas de curto prazo mostraram que muitos clientes agora querem compensar as férias de verão de 2020, disse o chefe da DER Touristik, Ingo Burmester. “Mas também podemos ver pelas consultas no nosso centro de atendimento que a discussão nos meios de comunicação está causando incerteza entre os consumidores”.

Andreas Rüttgers, Chefe de Turismo do operador turístico Schauinsland-Reisen, até agora não viu quaisquer efeitos negativos da variante Delta além dos cancelamentos mais recentes em Portugal. “Como Portugal não será mais classificado como uma área com variante do vírus a partir de 7 de julho de 2021, a situação tensa também pode mudar aqui”, disse esta terça-feira, dia 6. “Todas as reservas são feitas em um prazo muito curto ou para o inverno que se aproxima”.

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img