Quarta-feira, Abril 17, 2024
Quarta-feira, Abril 17, 2024

SIGA-NOS:

Air Serbia: “Lisboa foi o nosso destino número um este verão”

A Air Serbia começou a operar com voos diretos de Belgrado para Lisboa, a 15 de abril de 2023, duas vezes por semana – às terças e sextas-feiras. Na altura em que projectou a rota, sabe o TNews, a companhia aérea tinha uma meta de até oito meses para se impor. Contudo, os objetivos delineados foram batidos em menos de metade do tempo e agora, a partir do próximo dia 28 de outubro, entra uma terceira frequência semanal, mantendo as partidas à terça-feira e ajustando as outras duas para quinta e domingo.

O TNews esteve em Belgrado para uma fam trip, a convite da Air Serbia, em parceria com a embaixada de Portugal naquele país, e falou com Maja Radivojević, responsável comercial pela operação no nosso país, que revela o que os turistas portugueses podem esperar do seu país. “A marca número um é definitivamente a capital, Belgrado, se os turistas vierem para um city break. Contudo, como pôde ver, a 45 minutos da cidade tem Novisad e outras belas cidades mais pequenas a sul”, diz.

Entre os atrativos para visitar a Sérvia, a responsável da companhia aérea enaltece que este país pode ser visitado todo o ano e, ao contrário de outros destinos, não está limitado pelas estações do ano. Sobre Belgrado, Maja apresenta-a e fala de todo o potencial que tem para oferecer, para além da história que a alicerça há centenas de anos e que remonta ao tempo dos romanos.

Essa alavanca passa pela componente festiva, muito apreciada por Sérvios e turistas estrangeiros. “Belgrado faz lembrar a Europa ocidental e oriental. As pessoas falam numa Berlim do leste e vejo várias semelhanças e diferenças. Em Berlim as coisas fecham às nove da noite, aqui a noite começa a essa hora nove. Bares e restaurantes estão abertos até tarde, como meia-noite, uma ou duas da manhã, ao fim-de-semana”, explica. Depois, a noite prossegue para a beira do rio Sava, onde cerca de 300 bares ao longo da sua margem laboram até de manhã.

Fruto deste apetite pela diversão noturna, “muitos restaurantes até têm a opção de pequeno-almoço, até ao meio-dia”, completa. Maja não tem dados que lhe permitam analisar os passageiros portugueses, mas apresenta a Sérvia como “um destino para todas as idades. Para os mais novos, gerações que já trabalham, entre os 30 e os 40, pessoas mais velhas e reformados”, analisa.

Com Lisboa a operar de forma consistente e a caminho da terceira frequência, a Air Serbia prepara-se para abrir uma nova rota a partir do Porto, a 10 de Novembro. As vendas já estão abertas, com direito a uma promoção de lançamento. “O Porto está aberto para vendas e estão a correr bem, porque houve uma ação de promoção, que oferecia, já com as taxas incluídas, um bilhete de 59 euros, por direção, o que dava menos de 120 euros no total”, revela.

Maja espera o mesmo sucesso da capital portuguesa. “Lisboa foi o nosso destino número um este verão, de todos os 80 destinos, em 63 países.” A responsável comercial já falou do que espera do mercado português, mas, e em sentido inverso, que tipo de passageiros estão a chegar ao nosso país?  “De momento, a maioria dos passageiros que viajam para Lisboa são grupos que vão para visitar e voltar, que são de várias nacionalidades e não apenas Sérvios. Vêm de países próximos, como a Macedónia e Montenegro, porque somos a única ligação direta para a Península Ibérica”, responde.

Há também um dado importante que Maja ressalva. “A par da Turkish Airways, somos a única companhia aérea a voar para a Rússia, por isso há imensos russos. Há também ucranianos a voar de Belgrado para Lisboa e esperamos o mesmo para o Porto, porque vêm de países frios e querem sol e temperaturas mais quentes”, conclui. 

Lounge da Air Serbia em Belgrado

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img
-PUB-spot_img