Terça-feira, Fevereiro 20, 2024
Terça-feira, Fevereiro 20, 2024

SIGA-NOS:

Como as agências de viagens “navegam” pelas complexidades da covid-19


Hoje em dia, planear uma viagem internacional é um quebra cabeças para as agências de viagens, devido ao complexo, e nem sempre claro, rol de regras e restrições impostas por cada país. Para manter os clientes atualizados sobre as políticas em constante mudança, as agências de viagens contam com uma mistura estonteante de recursos digitais, iniciativas criativas e funcionários especificamente dedicados à causa, segundo o artigo da Travel Weekly que analisa este fenómeno nos EUA.

A Embark Beyond, por exemplo, ampliou a sua abordagem adicionando um “especialista da Covid” à equipa da empresa no início deste ano. O especialista da Covid-19, que transitou de concierge da Embark para esta nova função, está encarregado de manter a agência atualizada sobre os protocolos de viagem mais recentes, ao mesmo tempo que responde às questões mais complexas relacionadas às regras da Covid dos consultores da Embark.

“Como agência ou consultor, precisamos pensar em como podemos estar um passo à frente e tornar a vida do cliente mais fácil quando se trata de viagens, e realmente não dar às pessoas desculpas para não viajar”, ​​disse o fundador da Embark, Jack Ezon.

Para os viajantes que procuram visitar ou viajar por vários destinos, bem como para aqueles que viajam com crianças mais novas não qualificadas para a vacinação, ter um especialista da Covid provou ser especialmente valioso, acrescentou Ezon.

“Tem poupado muito tempo aos nossos agentes”, defendeu. “No início, gastavam meia hora ou 45 minutos a tentar descobrir algumas dessas coisas, quando poderiam estar a vender.”

Como muitos grupos de viagens, a Embark também usou o Sherpa, uma plataforma online especializada em requisitos de identificação de viagens, para se manter atualizado sobre várias restrições como visto, passaporte, quarentena e medidas de teste Covid em todo o mundo. De acordo com o site da Sherpa, a empresa recolha informações agregando dados de milhares de fontes, incluindo sites oficiais do governo, todos os dias.

Embora o site Sherpa também seja um recurso obrigatório para a empresa Brownell Travel, a agência com sede em Birmingham, no Alabama, reforçou os seus esforços de resolução de problemas de pandemia com um help-desk destinada a responder a questões relacionadas a restrições. A conta de e-mail é administrada por uma equipa de seis pessoas.

Além disso, a Brownell criou vários canais do Slack (plataforma de comunicação interna para as empresas) focados exclusivamente nas preocupações da Covid.

“Mantemos um espaço de trabalho do Slack para toda a comunidade, com canais dedicados a diferentes tópicos, incluindo atualizações e recursos da Covid”, disse Sheri M. Selkirk, COO da Brownell Travel. m imediatamente em ação.”

No Internova Travel Group, a estratégia em torno das atualizações de restrições de viagens tem multicamadas, de acordo com John Rose, diretor de risco e segurança do grupo

Além da plataforma Sherpa, que a Internova usa desde setembro deste ano, o grupo tem aproveitado o apoio de uma empresa chamada Exlog Global desde agosto de 2020.

O apoio individual de um profissional da Exlog está disponível por e-mail ou telefone. “Várias centenas” de perguntas são respondidas pelo sistema Exlog a cada semana, estima o grupo.

No entanto, se existir uma questão relacionada à Covid que não encontra resposta no Sherpa ou pela Exlog, o assunto é encaminhado para uma equipa interna da organização.

Por sua vez, aa Signature Travel Network, os membros têm acesso a uma conta empresarial paga no Sherpa, o que lhes dá a capacidade de criar links personalizados que podem ser partilhados com clientes, bem como integrar o conteúdo do Sherpa diretamente nos seus sites, e-mails e itinerários, entre outros canais.

O site Sherpa também dá a possibilidade de personalizar a própria página.

“Sem dúvida, o maior desafio de um consultor de viagens hoje é acompanhar as constantes mudanças nos fechos de fronteira, necessidades de visto, protocolos da Covid etc.”, disse Jean Newman Glock, diretor-gerente de comunicações e assuntos públicos da Signature.

avatar

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img
-PUB-spot_img