Domingo, Maio 26, 2024
Domingo, Maio 26, 2024

SIGA-NOS:

Importância do turismo no desenvolvimento económico das regiões

O turismo tem sido uma importante fonte de desenvolvimento económico em muitas regiões de Portugal. Nos últimos anos, tem-se verificado um aumento do número de turistas que visitam as zonas menos desenvolvidas do país, o que tem gerado um impacto positivo na economia local.

Em muitas das zonas rurais e menos povoadas de Portugal, o turismo tem sido um fator decisivo para o desenvolvimento económico. Com a criação de infraestruturas turísticas, tais como hotéis, restaurantes e outras atividades de lazer, tem-se conseguido atrair turistas e criar empregos locais. Esta dinâmica tem permitido às populações locais ter acesso a novas oportunidades de emprego, muitas vezes em áreas onde o desemprego é elevado, o que tem contribuído para a fixação de jovens nestas zonas.

Além disso, o turismo tem sido um importante fator de combate ao êxodo rural. Com o aumento do turismo nestas zonas, tem-se verificado um aumento da atividade económica local e, consequentemente, da qualidade de vida das populações locais. Este fenómeno tem permitido que muitas pessoas decidam ficar nas suas terras de origem, em vez de procurarem trabalho nas grandes cidades. Assim, o turismo tem sido uma importante ferramenta de revitalização das zonas rurais e tem contribuído para a fixação de pessoas nestas zonas.

No entanto, é importante salientar que o desenvolvimento do turismo em zonas menos desenvolvidas não pode ser feito de forma desorganizada. É necessário que se criem condições para a instalação de infraestruturas turísticas que respeitem o meio ambiente e a cultura local. É fundamental que se preserve o património natural e cultural, para que o turismo possa continuar a ser um fator de desenvolvimento sustentável.

Por outro lado, é necessário atrair jovens para as zonas rurais e menos povoadas. Muitas destas zonas têm uma população envelhecida, o que pode dificultar a dinamização económica local. É importante que se criem condições para que os jovens se fixem nestas zonas, nomeadamente através da criação de emprego e da promoção de atividades culturais e de lazer.

Assim, é fundamental que se crie uma política de desenvolvimento do turismo em zonas menos desenvolvidas que promova a sustentabilidade ambiental e cultural, e que crie condições para a fixação de jovens nestas zonas. O turismo pode ser um fator importante para o desenvolvimento económico e para a melhoria da qualidade de vida das populações locais. É necessário que se invista neste setor e que sejam criadas condições para o seu desenvolvimento sustentável, de forma a que possa continuar a contribuir para o desenvolvimento económico e social de Portugal.

Por João Bicho

É licenciado em Gestão pela Universidade Autónoma de Lisboa. Após ter passado pela banca, agarrou o desafio da consultoria e, neste momento, desempenha um papel vital na captação de novos clientes para a consultora Alpha 3.

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img
-PUB-spot_img