Sexta-feira, Julho 12, 2024
Sexta-feira, Julho 12, 2024

SIGA-NOS:

Inverno 2023-2024: Air France servirá 167 destinos, incluindo 2 novas rotas de Paris-Charles de Gaulle

-PUB-spot_img

Durante a temporada de inverno 2023-2024 (novembro de 2023 – março de 2024), a Air France voará para 167 destinos – 84 de longo curso e 83 de médio curso.

A companhia anunciou que operará nos níveis próximos do inverno de 2019, nomeadamente a 98% da capacidade de 2019 em termos de assentos-quilómetro disponíveis em voos de longo curso.

Longo curso: Raleigh-Durham e Abu Dhabi unem-se à rede, capacidades para a Ásia aumentam 60%

No inverno de 2023-2024, a transportadora terá um aumento de 20% nas capacidades para a América do Norte em comparação com 2019. Durante esse período, a Air France operará até 212 voos por semana para 20 destinos nos Estados Unidos, Canadá e México. Raleigh-Durham (Carolina do Norte) ingressará na rede da Air France a partir de 30 de outubro de 2023, com 3 voos semanais em Boeing 787-9. Raleigh-Durham se tornará o 14º destino da Air France nos EUA neste inverno. Além disso, a companhia aérea estenderá seu serviço em Ottawa para o inverno. A rota de Ottawa foi inaugurada em junho e os voos são a bordo de Boeing 787-9. O serviço para Dallas, Vancouver, Boston e Montreal será reforçado, através de mais voos ou aeronaves de maior capacidade.

Finalmente, em homenagem aos seus 90 anos, a partir de 29 de outubro de 2023, a Air France vai alterar os números dos seus voos entre Paris-Charles de Gaulle e Nova Iorque-JFK. Os voos AF015 e AF022 assumirão os números AF001 e AF002, os icónicos números de voo do Concorde até 2003.

Mais ao sul, a Air France reforçará os seus serviços para a América Central e do Sul com a introdução do serviço diário para San José (Costa Rica) no Airbus A350-900. Os serviços para Bogotá (Colômbia) também serão operados pela Airbus A350-900, aumentando a capacidade nessa rota. Nas Caraíbas, no dia 1 de dezembro de 2023, a Air France inaugurará uma nova rota entre Pointe-à-Pitre (Guadalupe) e Saint-Martin – um voo semanal a bordo de um Airbus A320. Isso elevará para 7 o número de destinos atendidos pela rede regional caribenha da Air France: Belém (Brasil), Caiena, Pointe-à-Pitre, Fort-de-France, Saint-Martin, Miami e Montreal.

A oferta da Air France de/para a Ásia também deverá crescer. Embora ainda abaixo dos níveis de 2019, as capacidades aumentarão 60% em comparação com o inverno de 2022-2023, impulsionadas pela China e pelo Japão. A companhia aérea manterá voos diários para Pequim, Xangai e Hong Kong durante o inverno e adicionará um segundo voo para Tóquio-Haneda. Neste inverno, a companhia aérea voará até 16 vezes por semana para os dois aeroportos de Tóquio. Por fim, os voos diários serão retomados neste inverno para Banguecoque (Tailândia), e o destino poderá beneficiar de até 10 voos por semana durante os meses de pico de janeiro e fevereiro de 2024.

A partir de 29 de outubro de 2023, a Air France começará a voar para Abu Dhabi (Emirados Árabes Unidos) como parte de uma cooperação com a Etihad Airways. Os voos partirão todos os dias, com um Airbus A350-900. O serviço para Dubai será feito 14 vezes por semana a bordo de um Boeing 777.

Em África, a Air France voa agora diariamente para Nairobi (Quénia), e a viagem para Dar Es Salaam (Tanzânia) inaugurada em junho como continuação do serviço para Zanzibar (Tanzânia), está a ser alargada até à época de Inverno.

Devido a questões de segurança, os voos de/para Niamey (Níger), Bamako (Mali) e Ouagadougou (Burkina Faso) permanecem suspensos até novo aviso.

Retoma de rotas sazonais para a Escandinávia

A Air France vai reiniciar as rotas sazonais entre o aeroporto Paris-Charles de Gaulle e Tromsø (Noruega, 2 voos por semana a partir de 28 de outubro de 2023), Rovaniemi (Finlândia, 3 voos por semana a partir de dezembro 2 de dezembro de 2023 e até 7 voos por semana durante as férias de Natal), Kittilä (Finlândia, 1 voo por semana a partir de 23 de dezembro de 2023) e Innsbruck (Áustria, 1 voo por semana a partir de 23 de dezembro de 2023).

Os voos para Cracóvia (Polónia) serão estendidos até o inverno, três vezes por semana no Embraer 190.

Nesta fase, os voos de/para Tel Aviv (Israel) permanecem suspensos até 31 de outubro.

DEIXE A SUA OPINIÃO

Por favor insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui

-PUB-spot_img
-PUB-spot_img